Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

Artigo | Educação é atividade essencial

Por: LÊ NOTÍCIAS
05/02/2021 13:48
Divulgação

Por Marcelo Batista de Sousa*

A anunciada reabertura das escolas, após quase um ano fechadas, e depois do isolamento social prolongado, tem impactado de forma positiva a saúde mental e física das crianças, sobretudo aquelas até cinco anos.

Ao fazer coro com centenas de grupos de pais e mães espalhados pelo Estado afora - abrigados no movimento #EscolasAbertas - e diante da grave situação em que se encontram as crianças e jovens de Santa Catarina e do Brasil, longe da escola há onze meses, convidamos os demais pais, mães, avós e cidadãos a uma fundamental reflexão acerca do papel da escola na nossa sociedade e da importância da volta às aulas presenciais.

Recordemos que lá no começo de 2020, em que vivíamos um cenário de medo e incertezas com relação às características da Covid-19, seu tratamento e sua propagação, governos em todo o mundo se apressaram e adotaram medidas extremas.

Em meio a esse contexto de perplexidade e ignorância as aulas presenciais nas escolas públicas e particulares foram suspensas por decretos. E isso ocorreu em decorrência da falsa crença, na época, que as crianças” poderiam ser um importante grupo de risco da doença, além de grandes propagadoras do vírus, como de fato acontece na gripe sazonal (influenza).”

Decorridos onze meses de duro combate à pandemia, no entanto, muito se aprendeu. A medicina registrou avanços significativos em relação ao diagnóstico precoce dos casos. A organização do sistema de saúde melhorou.

Além disso, artigos científicos baseados na análise concreta de casos e experiências em diversos lugares do mundo passaram a consagrar entendimentos relevantes sobre a situação das crianças. Elas são as que menos se infectam e transmitem menos a doença do que os adultos. Hoje se sabe também que, entre as crianças, há menos vítimas fatais de Covid do que de influenza.

E mais, em estudo publicado conjuntamente, a ONU e a Unicef destacam que o fechamento de escolas pouco contribuiu para a disseminação do vírus, mas está causando danos de longo prazo a toda uma geração.

A maior parte dos países europeus —inclusive alguns duramente atingidos pela pandemia, como Espanha e França— tomaram medidas para garantir a manutenção das escolas abertas durante todo o segundo semestre de 2020, mesmo em plena segunda onda. É uma questão de redefinição de prioridades: fecham-se os bares, restringem-se as festas, mas as escolas permanecem abertas.

É, portanto, motivo de júbilo a notícia segundo a qual, finalmente, o governo de Santa Catarina liberou a Educação Básica (educação infantil,ensino fundamental, ensino médio) e Ensino Superior, a partir do início do ano letivo de 2021, localizadas em todas as regiões e em todos os níveis de riscos, limitado o risco GRAVÍSSIMO em 50% da capacidade do ambiente, respeitado todos os protocolos de segurança e higiene, conforme dispõe a Lei SC n. 18.032/2020, regulamentada pelo Decreto n. 1094/2020 e Portaria Conjunta n. 983/2020.

Acreditamos que essa foi uma decisão acertada – embora tenha demorado excessivamente...

Na qualidade educadores, pais, mães e cidadãos, reafirmamos que a educação é fundamental por assegurar o desenvolvimento sadio de crianças e adolescentes. É por meio do acesso à educação e à cultura que se formam adultos mais qualificados ao trabalho, mais conscientes do exercício da cidadania. Aliás, essa é a fórmula correta para gerar evolução, riqueza e progresso.

Reafirmamos, neste breve comentário, que vivemos em um país onde a escola é o principal espaço do cuidado para a grande maioria das crianças e jovens. O reinício das aulas presenciais é providência que se impõe e prioriza o melhor interesse da criança e do adolescente. Educação é atividade essencial!

* Presidente do Sindicato das Escolas Particulares de SC (Sinepe-SC)


Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro