Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma
Peste Suína Setembro
Beira-Mar Casan

O caos no Oeste; Cadê as vacinas, bancada federal?; Funerárias 10x0 Vacina; Dário no poder das obras; Pilotos praças ganham força

Por: Marcos Schettini
25/02/2021 10:47
Waldemir Barreto/Agência Senado

O tamanho de Dário Berger

O senador de Bom Retiro assumiu uma posição importante para os interesses de SC no Senado. Agora presidente da Comissão de Infraestrutura, com um catarinense pela primeira vez no comando deste espaço, tudo é possível para que o ulyssista jogue toda a força desta posição em favor do Estado e do projeto eleitoral do ano que vem. Dário vai chamar a Fiesc, Fecomércio e Fetrancesc para escutar as dores das entidades empresariais para casar solução e jogo político. Como é candidato a governador, vai abraçar as causas do setor produtivo. Vai convencer Mario Cezar de Aguiar, Bruno Breithaupt e Ari Rabaiolli a debaterem juntos o abandono de portos, estradas e obras federais no Estado. A questão das duplicações das BRs 101, 282, 280 e 470. São rodovias que as entidades olham como ponta de estoque. Já que o MDB dissolveu os encontros regionais para a escolha do cabeça de chapa, facilita-se muito a vida política do irmão de Djalma Berger na busca pela indicação. Como deve injetar nas forças econômicas o ânimo que precisa para convencer que sua liderança age em favor de Santa Catarina, ganha fôlego importante na mídia, nos formadores de opiniões e na sociedade. E ganhou os votos de Esperidião Amin e Jorginho Mello. Com quatro mandatos de prefeito consecutivos, agora voa como Aladim.


SOCORRO

Xanxerê emitiu banner pedindo todas as atenções possíveis para barrar a força do coronavírus na cidade. Pertencente à região do Alto Irani, a comunidade está sendo metralhada pela contaminação e boom nos hospitais. O caos nascido em Chapecó, jogou o Oeste no inferno.


GOVERNADOR

Todos perguntam onde estão as vacinas. O problema não é mais do Estado, mas nacional. O Ministério da Saúde tem um factoide respondendo pela pasta que, sabe-se, não comanda nem mesmo uma tropa de lobinhos. Não tem chefe de governo que solucione.


BARULHO

É preciso juntar as forças em favor da vacina. A turma pró Bolsonaro fica tirando selfie, defendo armas e jogando beijinhos para o troglodita Daniel Silveira, aquele patético deputado inútil preso na PF. Daniel Freitas precisa ser mais pessoa e menos bijuteria parlamentar.


ELA

Daniel Freitas e Caroline de Toni, campeões de selfie, são o Sebastião Salgado da extrema-direita. Ela, bibelô de José Tessari, até aceita-se porque é inanimada. Mas o parlamentar de Criciúma tem mais motor. Então faça acontecer. Cadê as vacinas, deputado?


VACINA

Pergunta-se ao deputado Daniel Freitas porque é o que mais aparece nas redes sociais falando de armar seus iguais. Não foi visto uma só manifestação do bolsonarista falando que encheu o saco do ventríloquo Pazuello para mandar imunizações.


BLÁ

Esta fraude de 2018 está custando caro para a humanidade. A doença mata 250 mil pessoas, doentes são levados de caminhonete para não morrer em casa e esta turma patética e desumana, fica cheirando o que expulsam imaginando ser Chanel. É cadáver mesmo.


CADÁVER

Está sendo bacana ver os caixões sobre outros como se fossem gôndolas de supermercado. Caroline de Toni e o empresário José Tessari deveriam fazer uma selfie e guardar para recordação. Cadê as vacinas, deputada?


BRINCADEIRA

A sociedade vê seus amados baixando à terra e guarda no peito a cena de abandono. Não tem vacina e esperança que proteja o cidadão exposto à politicagem barata, insana e doente, vista como o espetáculo de palhaçadas. Bancada de SC, cadê as vacinas?


GRITO

Senadores e deputados federais precisam responder agora onde estão as vacinas? Ou não tem? Quando se observam hospitais vomitando corpos em direção ao cemitério, é por que é assim mesmo ou o país está matando seus filhos a granel? Cadê a vacina?


LEGAL

Quem tem batido à porta do cidadão são as funerárias. E não tem nenhum parlamentar bolsonarista fazendo selfie desta inesquecível imagem. Se o Senado aprovou a facilitação da compra de vacinas, até sua aprovação e conclusão, vai mais uns 40 mil caixões para começar a mostrar resultados.


TOLOS

Uma notícia boa sobre a matança que o coronavírus tem feito, com eficiência, é que não escolhe quem é de esquerda ou direita. Na sopa da Covid-19 entra todo tipo de carne ideológica. Enquanto extremos brigam para ver qual é mais patético, o cemitério engole seus amados.


NADA

Nenhuma Nota Oficial saiu assinada pela Frente Parlamentar Catarinense sobre o macabro alcance de 250 mil mortos pelo coronavírus. Vão dizer que este número comemorado pelo diabo não é dos catarinenses. Bacana. Se não são de SC, podem morrer à vontade.



Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro