Close Menu

Busque por Palavra Chave

Santa Catarina investirá R$ 104,8 milhões no fortalecimento da agricultura e pesca

Por: LÊ NOTÍCIAS
30/03/2021 10:03
Willians Biehl Os recursos serão destinados para programas de fomento agropecuário, melhoria de produtividade, regularização fundiária e defesa agropecuária Os recursos serão destinados para programas de fomento agropecuário, melhoria de produtividade, regularização fundiária e defesa agropecuária

O governador Carlos Moisés e o secretário Altair Silva anunciaram também os próximos projetos que devem receber investimentos do Governo do Estado: internet para o campo, incentivo ao cultivo de cereais de inverno e crédito especial para pescadores.

Segundo Altair Silva, a Secretaria da Agricultura irá investir R$ 5 milhões para levar internet para o meio rural. Inicialmente serão 20 municípios beneficiados, que serão exemplo para outras localidades. “A intenção é expandir o projeto para todo o estado com o Programa SC Rural, que já está em negociação com o Banco Mundial. Queremos colher os resultados rapidamente, levando internet de qualidade para os produtores rurais de Santa Catarina”, explica.

Terra Boa

A Secretaria da Agricultura investe ainda R$ 56,5 milhões para apoiar a aquisição de sementes de milho, calcário e kits para melhoria de pastagens e do solo, além do incentivo à apicultura e à meliponicultura.

O Terra Boa irá incentivar a aquisição de 200 mil sacas de milho; 300 mil toneladas de calcário; 3 mil kits forrageira; 500 kits apicultura e mil kits solo saudável. O Programa terá R$ 5 milhões a mais de recursos e o Governo do Estado pretende ampliar o número de beneficiários. No último ano, foram mais de 70 mil famílias rurais atendidas.

Regularização Fundiária

Santa Catarina irá reforçar os investimentos na regularização de imóveis rurais. A Secretaria da Agricultura fará um aporte de R$ 7,4 milhões para a realização de georreferenciamento, documento necessário para a legalização de propriedades. A intenção é atender aproximadamente 22 mil famílias de agricultores familiares.

Fundesa

Referência internacional no cuidado com a saúde animal, Santa Catarina intensifica os esforços para erradicar a brucelose e a tuberculose bovina. Em 2021, o Fundo Estadual de Sanidade Animal (Fundesa) deve investir R$ 14 milhões na indenização de produtores rurais pelo abate sanitário de animais doentes - maior soma desde a sua criação em 2004 -, possibilitando a continuidade da produção de carne e de leite, além de preservar a saúde pública.

Todos os programas e linhas de crédito já estão disponíveis para produtores e pescadores de Santa Catarina. Os interessados devem procurar a Epagri do seu município.


Outras Notícias
Covidômetro - Florianópolis - Maio
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro