Close Menu

Busque por Palavra Chave

Guarujá - SP - Mobile

Curso de Jornalismo da Unochapecó debate desafios da profissão com profissionais do cenário nacional

Por: LÊ NOTÍCIAS
20/04/2021 09:53 - Atualizado em 20/04/2021 09:54
Unochapecó Evento com profissionais é alusivo ao Dia do Jornalista, celebrado em 07 de abril Evento com profissionais é alusivo ao Dia do Jornalista, celebrado em 07 de abril

A prática jornalística já passou por diversos momentos da história humana. O jornal impresso, rádio, televisão ou o jornalismo online constantemente precisam se adequar à evolução tecnológica de cada período, a partir da mudança de sua estrutura, conteúdo ou linguagem. Porém, mesmo com essas modificações, o Jornalismo ainda mantém a sua principal essência: informar com apuração e precisão.

Para comemorar o Dia do Jornalista, celebrado em 07 de abril, e debater sobre os desafios da profissão, o curso de Jornalismo da Unochapecó promoverá um evento, hoje, 19 de abril. A palestra irá abordar a produção de reportagem investigativa, o uso de jornalismo de dados e a monetização do jornalismo digital. O debate inicia às 19h e contará com a presença dos jornalistas convidados Bruno Fonseca e Giulia Afiune. A ação será transmitida através da página Jornalismo Unochapecó no Facebook.

A coordenadora do curso, professora Angélica Lüersen, comenta a importância da formação profissional. Ela destaca que a graduação deve preparar o jornalista para ser reflexivo, crítico e ético. Deve, ainda, dar condições para a atuação nessa complexidade que é o mercado de trabalho e nesse pluralismo característico da sociedade das culturas contemporâneas. “Nós pensamos e entendemos que o espaço da academia tem esse intuito de trazer uma formação mais generalista, que dê condições para uma atuação em diferentes segmentos, mas que tenha uma base bem construída e bem consolidada, dando para o profissional mais clareza e mais segurança no exercício da função”, ressalta.

Angélica destaca que a ideia para o evento alusivo ao Dia do Jornalista é discutir o futuro da profissão. “Nós achamos importante trazer profissionais do cenário nacional, com uma prática jornalística reconhecida, para que possam abordar um pouco esse ponto de vista sobre o futuro do jornalista. Entendemos que é bem importante conversar com profissionais atuantes nos cenários das novas tecnologias, do webjornalismo, porque é de nosso conhecimento também que acaba sendo um canal de expressivo conteúdo jornalístico”, salienta.

A palestra será mediada pela professora Angélica Lüersen e contará também com a participação do professor Hygino Vasconcellos, jornalista formado em 2008 pela Universidade Federal de Santa Maria,que já atuou como repórter no jornal Zero Hora, de Porto Alegre, G1 - Portal de Notícias da Globo, entre outros veículos de comunicação.

O professor Hygino comenta que há um descrédito no Jornalismo, muito fomentado pela onda das fake news. Isso causa um grande impacto na produção e faz com que os jornalistas precisem a todo momento comprovar o que falam e escrevem. Ele ressalta que existem várias estratégias que o jornalista profissional usa, como indicar a fonte e linkar com a pesquisa específica, para dar mais confiabilidade no trabalho que está sendo feito. “O Jornalismo entra nesse cenário como um suporte. Eu valorizo o ir além dos dados, transpassar a questão dos números, ir de fato atrás da realidade que está sendo retratada. Além do jornalismo de dados ser um suporte, ele é um ponto de partida, a gente cruza planilhas e encontra situações curiosas, e além disso, busca de fato histórias”, destaca.

Hygino também reforça que a prática do jornalismo de dados é necessária atualmente, porque essa área possibilita comprovar diversas situações e tornar elas públicas, por meio de planilhas, documentos, transcrições, entre outros. O professor também ressalta que os veículos de comunicação precisam compreender que o jornalismo de dados demanda tempo e apuração, e que é preciso trazer mais dessas produções para além da produção focada em furos de reportagem. “Ao invés da gente fazer um jornalismo de manada, de todo mundo ir no mesmo sentido, temos que ir fora disso, achar pontas sem nó em investigações.”, finaliza.

CONVIDADOS

Estarão presentes no evento, os jornalistas Bruno Fonseca e Giulia Afiune. Bruno é graduado e mestre pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atua como repórter multimídia, trabalha com infografia, dados, vídeos e animação. Fez curso de Jornalismo Multimídia pela Thomson Reuters. Já Giulia, cursou Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero e fez mestrado em Inovação em Mídia na Northeastern University em Boston, EUA. Atualmente, trabalha como editora de Audiências da Agência Pública, onde coordena o programa de membros da organização. Giulia também já trabalhou como repórter investigativa na Agência Pública e no jornal americano Texas Tribune.


Outras Notícias
Segurança Pública - Estelionato - Mobile
Alesc - Outubro - Mobile
Fiesc Outubro - Mobile
Zagonel - Outubro - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro