Close Menu

Busque por Palavra Chave

Guarujá - SP - Mobile

Reunião virtual entre Celesc e ACIC articula sobre investimentos para o Oeste catarinense

Por: LÊ NOTÍCIAS
13/05/2021 11:17
Celesc  SE Chapecó III Santo Antônio SE Chapecó III Santo Antônio

O sistema elétrico no Oeste catarinense está recebendo melhorias que irão beneficiar as comunidades de Concórdia, Chapecó, São Miguel do Oeste e demais cidades da região. Desde janeiro de 2019 até 2021, a Celesc vem investindo R$ 116 milhões na construção e ampliação de subestações, instalação de novos alimentadores, obras de média tensão e de manutenção da rede, além do fortalecimento do Programa Celesc Rural, que tem a missão de aumentar a confiabilidade da energia elétrica de quem vive no campo.

Esses e outros empreendimentos foram apresentados à diretoria e associados da Associação Empresarial de Chapecó (ACIC), durante reunião virtual realizada pelo presidente da distribuidora catarinense, Cleicio Poleto Martins, pelo diretor de Distribuição, Sandro Levandoski, e pelo gerente do Núcleo Oeste, André Rafael Curtarelli.

"A sociedade só tem a ganhar com o diálogo entre a Celesc e a as associações regionais, que atuam como voz e força motriz de desenvolvimento. Para nós, essa é uma importante parceria e é isto que o governador Moisés nos cobra: diálogo e entregas", apontou o presidente Cleicio na oportunidade. O presidente da ACIC, Nelson Akimoto, também reforçou a importância do relacionamento e do diálogo das associações empresariais locais com a Celesc e apresentou demandas relativas ao setor elétrico na região, em especial da área industrial.

No encontro, o diretor Levandoski destacou os resultados da companhia no ano de 2020 e o impacto positivo da melhoria nos indicadores de duração e de frequência do fornecimento de energia elétrica (DEC e FEC) na região Oeste. Para ele, tais índices refletem os investimentos em performance e confiabilidade do serviço oferecido pela companhia aos consumidores.

PRINCIPAIS OBRAS E INVESTIMENTOS

Durante a reunião, Cleicio destacou a inauguração da Subestação (SE) Chapecó III - Santo Antônio, que contará com Linha de Distribuição de 138 kV e capacidade instalada de 40 MVA. Serão investidos R$ 8 milhões na obra que tem entrega prevista para o primeiro semestre deste ano e vai aliviar a demanda das SEs Chapecó I e Chapéco II, com atendimento a mais de 30 mil unidades consumidoras (UCs) na região. "Essa obra vem somar às subestações estabelecidas na região e seu funcionamento dará mais qualidade, confiabilidade e segurança ao fornecimento de energia elétrica", explicou o presidente.

Na ocasião, o gerente do Núcleo Oeste da Celesc, André Rafael Curtarelli, informou que a empresa também está realizando ampliações na Subestação São José do Cedro e melhorias da SE Chapecó II, somando investimentos de R$ 22 milhões. Além disso, estão sendo destinados cerca de R$ 80 milhões a obras de ampliação e a compras de novos equipamentos para a rede de média tensão dos municípios de Concórdia, Chapecó e São Miguel do Oeste, como a instalação de novos alimentadores e de religadores automáticos. "Essas melhorias vão oferecer um sistema mais robusto, estável e com flexibilidade na sua operação. Os religadores, por exemplo, permitem restabelecer o sistema elétrico de forma automatizada, por comando remoto, quando ocorre um desligamento por motivo acidental", explica o gerente.

Além disso, o presidente da Celesc trouxe informações sobre o andamento do corredor elétrico, implantado pela empresa com a instalação de eletropostos, que farão a ligação do estado em rotas com 100 km, em média. "A Celesc, em parceria com empreendimentos públicos e privados, está instalando a maior via com autonomia para carros elétricos do país. Entre Florianópolis e Chapecó, estão previstas 23 estações de recarga de veículos elétricos ou híbridos, sendo cinco para recarga rápida e 18 semirrápidas", contou.

PROGRAMA CELESC RURAL

Somado a essas melhorias, o Programa Celesc Rural vai beneficiar cerca de 232 mil propriedades rurais da região, com obras como a substituição de rede monofásica pela trifásica e cabos nus por protegidos, que garantem mais robustez e segurança ao sistema, com menor contato da vegetação com a rede elétrica, refletindo em menos interrupções no fornecimento de energia para o desenvolvimento do agronegócio. Para isso, serão investidos R$ 31 milhões até meados de 2021, dos quais R$ 12,37 milhões já foram aplicados.

CHAMADAS PÚBLICAS

Outras ações desenvolvidas pela Celesc que são revertidas em importante auxílio às comunidades, empresas, instituições e entidades da região Oeste são as chamadas públicas com foco em projetos na área de eficiência energética, que entre 2019 e 2020 receberam investimentos de R$ 3,1 milhões, e também os projetos sociais, esportivos e culturais, para os quais foram destinados mais de R$ 633 mil no ano passado. Destas iniciativas, destaca-se a construção de laboratórios de eficiência energética no CEDUP de Chapecó e para a quarta edição do programa Bônus Eficiente, que beneficiou moradores de Xanxerê e Chapecó.


Outras Notícias
Alesc - Outubro - Mobile
Fiesc Outubro - Mobile
Zagonel - Outubro - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro