Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

POSTO ABERTO

Vila Diadema implora por continuidade na Saúde

Por: LÊ NOTÍCIAS
23/06/2017 15:49

Na manhã desta quinta-feira (22), os vereadores xaxinenses Joseane Sampaio, Maria de Lourdes Fonini, Juliano do Prado de Lima e Ledinho Curtarelli estiveram na unidade de Saúde da Vila Diadema. O motivo da visita seria a realização de uma reunião com a Secretaria de Saúde e o Conselho de Saúde local para tratar sobre o possível fechamento daquela unidade, porém a reunião foi cancelada.

O presidente do Conselho Local de Saúde, Olinto Pietro Biasi, disse que foi comunicado pela Secretaria de Saúde de que a reunião serviria para tratar sobre o fechamento da unidade de Saúde daquela localidade, e que os atendimentos passariam a ser feitos na unidade de Saúde do bairro Chagas. Biasi destacou que as comunidades precisam do posto de Saúde para seus atendimentos e não podem ficar desassistidas.

A moradora Irene Veloso dos Santos (Tita), que também se fez presente para a reunião, destacou que a comunidade irá brigar para manter a unidade aberta, pois a estrutura é nova e as pessoas, principalmente os idosos e a população mais carente, que não possui veículo, não tem como se deslocar até o posto de Saúde do bairro Chagas ou outro local para uma consulta.

A unidade de Saúde atende mensalmente, além das famílias da Vila Diadema, os moradores do Pocinho de Cima, de Baixo e do Meio, Fazenda Santa Antônio, linha Frei Plácido, parte da linha Campo, linha Geremia e linha São Joaquim, ou seja, cerca de 1.500 famílias. A nova unidade de Saúde foi inaugurada em 2014, e possui amplo espaço para atendimento médico, dentário, ambulatório, enfim, estrutura completa para seu funcionamento inclusive com possibilidade de implantação de uma farmácia.

Se a unidade de Saúde da Vila Diadema fechar, será o terceiro posto de Saúde fechado em seis meses no município. Para a vereadora Maria de Lourdes Fonini, “não há justificativa para o fechamento, tendo em vista a excelente estrutura que o posto de Saúde oferece, bem como a equipe de médicos e dentista que atende aquela comunidade”.

Juliano do Prado de Lima lembrou que no dia que a secretária de Saúde, Leni Coelho Granzotto, esteve na Câmara, disse que o posto não fecharia, era apenas boato da comunidade. Além disso, o vereador expôs que o posto tem que permanecer na Vila para melhor atendimento, pois a planta da unidade é ampla para suportar a demanda e o deslocamento dos pacientes é mais rápido e menos perigoso, pois não precisa ir pela BR para se consultar.

Ledinho Curtarelli expôs que a comunidade precisa fazer força e bater o pé para que não aconteça a mesma coisa que aconteceu na Vila Tigre, bairro Frei Bruno e na Anita Garibaldi, embora que nos dois distritos, Anita Garibaldi e Vila Tigre, a comunidade tenha sido totalmente contra, mesmo assim, o prefeito fechou as duas unidades de apoio.

A próxima reunião deverá ser agendada e os moradores daquela comunidade se comprometeram em avisar os vereadores.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro