Close Menu

Busque por Palavra Chave

Jovem pede socorro em bilhete após suposto assédio sexual de chefe em Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
01/06/2021 09:31 - Atualizado em 01/06/2021 09:56
Guarda Municipal de Chapecó Homem também teria tentado drogá-la colocando cocaína em um copo com vinho e refrigerante Homem também teria tentado drogá-la colocando cocaína em um copo com vinho e refrigerante

A Polícia Civil, através da 12ª Delegacia Regional de Polícia da Fronteira de Chapecó, informa que, na madrugada do dia 29 de maio, foi apresentada uma ocorrência na Central de Plantão Policial de Chapecó um possível crime de assédio sexual. Uma funcionária de uma lanchonete teria enviado bilhete com pedido de ajuda junto à refeição, que seria entregue a um cliente do estabelecimento.

No recado, a jovem de 18 anos teria relatado que o proprietário do estabelecimento estaria lhe assediando, assim como tentando drogá-la. Após notar o pedido de ajuda, o cliente teria acionado a Guarda Municipal de Chapecó, a qual conduziu os envolvidos até a Central de Flagrante Policial deste município.

Segundo a Guarda Municipal, a jovem relatou que o homem teria oferecido cocaína a ela e tentado passar as mãos em suas pernas e pescoço. Depois, teria oferecido a droga novamente e mais R$ 150,00, além de agarrá-la, tentando levá-la ao quarto.

No decorrer das oitivas, o Delegado de Polícia plantonista verificou que os fatos narrados teriam ocorrido, segundo a própria vítima, nos dias 26 e 27 de maio e que, na data da condução dos envolvidos em razão do bilhete enviado, não se constatou a ocorrência de novos fatos que pudessem caracterizar a situação flagrancial, tal como o crime de ameaça, cárcere privado, assédio, dentre outros.

A situação apresentada na madrugada do dia 29 não configurava nenhuma das hipóteses do art. 302 do Código de Processo Penal. A Polícia Civil tomou todas as providências cabíveis no momento, colhendo oitivas de todos os envolvidos, assim como procedeu à apreensão de objetos de interesse da investigação.

As investigações prosseguirão em inquérito policial instaurado no intuito de obter outros elementos que possam ajudar no total esclarecimento do ocorrido. A Polícia Civil não mais se manifestará até a conclusão dos procedimentos, visando a resguardar o sigilo das investigações e completa elucidação dos fatos.


Outras Notícias
Alesc - Outubro - Mobile
Floripa - Um novo amanhã - Mobile
Essenciais de Verão
Sorria Palhoça - Mobile
Criança com Visão - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro