Close Menu

Busque por Palavra Chave

“A nova Escola Gomes Carneiro deve ser uma luta de todos”, destaca Zelci Lorenzon

Reforma que será feita na escola entristece ex-diretora que esperava execução de projeto milionário
Por: Janquieli Ceruti
28/06/2017 10:37 - Atualizado em 28/06/2017 10:39
Projeto licitado em 2014 apresenta como ficaria nova estrutura do Gomes Carneiro (Imagem: Arquivo de Zelci Lorenzon) Projeto licitado em 2014 apresenta como ficaria nova estrutura do Gomes Carneiro (Imagem: Arquivo de Zelci Lorenzon)


Por Janquieli Ceruti

O anúncio de que a Escola de Educação Básica Gomes Carneiro, de Xaxim, passaria por reformas preocupou pais e professores de alunos, que esperam há anos pela construção de prédios novos no terreno da instituição de ensino. Nos próximos 90 dias, será feita a substituição do telhado, revisão do sistema de esgoto de alguns banheiros e a construção da rede pluvial. No total, o investimento será de aproximadamente R$ 146,7 mil com recursos da Secretaria de Estado da Educação. Mas, o que a comunidade esperava era a execução do projeto licitado ainda em 2014 que previa uma nova escola.

Procurada por pais de alunos e educadores do Gomes Carneiro, a professora aposentada Zelci Lorenzon, que ficou à frente da direção da escola até janeiro de 2015, demonstra grande preocupação com a reforma emergencial que será feita. “Reformar não é uma solução, mas somente um paliativo, pois o teto está desabando. Foram quatro anos de esforços para que o projeto saísse e este só tem validade até o fim do ano que vem, por isso é fundamental colocar ele em execução o quanto antes. Nós merecemos esta obra, afinal fomos vencedores do Prêmio Gestão Escolar, o que nos incluiu no Pacto por SC. Ainda naquela época, era visto que a escola não tinha como continuar daquele jeito. São 76 anos de história, e faz mais de 20 anos que o Gomes Carneiro não recebe grandes reformas”.

Zelci, que por 30 anos trabalhou nas salas de aula e de direção, não se conforma com o engavetamento do projeto. “Não estou mais lecionando, mas meu amor pelas crianças e pela Educação é o mesmo. O Gomes Carneiro atende às redes municipal e estadual e possui uma história impecável no município. Não podemos aceitar somente paliativos. Hoje, chove nas salas de aula. Quando saí da escola, já tinha 19 notificações de irregularidades feitas pelo Ministério Público. Mas, como o governo alegava que seria feita uma construção nova, nada foi feito para melhorar a qualidade de ensino das crianças e adolescentes”.

A professora aposentada conta que se sente responsável em colaborar mais uma vez para que o projeto saia do papel. “Ia ter o Ensino Médio Inovador com opção de formação no técnico, além de muitos espaços diferenciados. É uma pena ter acontecido isso. Um projeto milionário ficar parado todo este tempo, e ainda com alguns dizendo que ele não existia. A reforma é bem-vinda, mas precisamos de muito mais do que isso. Além do mais, se é para preservar o patrimônio, como alguns disseram, como é que eles vão tirar as telhas para colocar brasilit?”, indaga Zelci.

De acordo com a Agência de Desenvolvimento Regional de Xanxerê (ADR), um total de 516 alunos do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio e 240 alunos da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental estudam na escola. De acordo com o secretário executivo da ADR, Ademir Gasparini, “neste momento será investido em ações emergenciais, mas esperamos em breve poder melhorar ainda mais as condições físicas da escola”.

Preocupada com a perda de validade do projeto da nova escola, a professora aposentada promete buscar apoio em diversas frentes para que a nova escola se torne uma realidade. “Conversamos com o prefeito Lírio Dagort e estamos estudando formas de garantir o futuro da nossa querida Gomes Carneiro”.


Outras Notícias
Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro