Close Menu

Busque por Palavra Chave

Guarujá - SP - Mobile

Lucas Esmeraldino movimenta 2022; O patético Olavo de Carvalho e seus adestrados; DNA de Cobalchini; Sintonia na Previdência

Por: Marcos Schettini
09/07/2021 11:39
Rodolfo Espínola/Agência AL

Previdência aprovada

As entidades deverão reclamar bastante, mas no final, a sessão de aprovação das mudanças na Previdência vai passar. As lideranças e quadros estão buscando o chamado meio-termo entre nem tanto ao mar, nem tanto à terra, mas sabem que vai ser necessário fazer o equilíbrio. O peso sobre as pernas estaduais não suporta, há décadas, a irresponsabilidade de fazer tudo. A concentração de deputados ao lado do governador, sensacional diga-se, diz tudo dentro do todo. A Alesc dá governabilidade porque, nesta simbiose, alimentam-se. Nada, com esta demonstração de afinidade, fura a lógica da boa relação para o mundo eleitoral. Os céticos não acreditam, mas esta coligação, já foi feita. Iniciou no salvamento do impeachment e só termina em 2026. Para quem pensa, sabe.


RETORNO

Lucas Esmeraldino volta às discussões eleitorais e, em 2022, deverá colocar seu nome para o Senado. Sabe que a realidade daquele quadro passou. 2018 foi uma exceção sem repeteco e, por isso, olha a Câmara dos Deputados para marcar esta busca.


MELECA

A chamada bancada da selfie, composta por quem não tem o que oferecer aos catarinenses, sobrevive de fotos no Instagram e falsas ideias de que trabalham muito. O eleitor será lembrado disso para, agora desperto, não cometer o mesmo erro.


ABERRAÇÕES

A bancada da selfie é o que há de mais nocivo para SC. Eles não têm cérebro porque são adestrados e, nesta lógica, rolam e saltitam conforme o desejo do dono. Em suas vidas, o que melhorou foram os passeios e a ração de qualidade.


HIPNOSE

Agora que Olavo de Carvalho voltou ao Brasil, os adestrados se alvoraçam e, com dinheiro público, vão a SP aprender como rolar no tapete. Se a tese da Terra plana morreu, querem saber qual idiotice deverão defender. Caroline De Toni e Daniel Freitas já estão em voo.


NADA

As assessorias dos dois piores parlamentares da história de SC, fazem uma tremenda ginástica para poder produzir algo significativo em favor do mandato pobre que realizam. Heróis, os jornalistas deveriam ser homenageados. Até pela coragem de convivência.


MENTOR

Se Olavo de Carvalho abduziu estes cérebros patéticos, é uma questão de aceitação pessoal. Mas quando estão em postos públicos, toda a sociedade perde. O charlatão em filosofia e moral, pobre em raciocínio e desbocado, gera alunos como Daniel Freitas e Caroline De Toni.


DISCUSSÕES

São temas em favor de SC que estes patéticos parlamentares, seguindo a ordem de seus donos, passam vergonha diante do cidadão. Fome de Poder, passeiam de helicóptero, avião, dormem em hotéis 5 estrelas comendo pratos internacionais em afronta à vida dura dos brasileiros.


NÚMEROS

E chamam seus opositores de comunistas quando o preço dos combustíveis está 6 reais, carne 70, arroz 50 e outras desgraças. Vão às rádios e falam ilusões vividas na guerra da sobrevivência como se fosse a Paris dos anos 50. A eleição de 2018 ensina a mudar em 2022.


FUTURO

Lucas Cobalchini começa a sinalizar o cacoete político. Filho do líder da bancada do MDB na Alesc, o rapaz ensaia os passos que justificou o pai quando conheceu Casildo Maldaner. Menino ainda, já se utiliza das redes sociais e imprime opiniões políticas, abrindo desejo que o irmão, João, iniciou na Câmara da Capital.



Segurança Pública - Estelionato - Mobile
Alesc - Outubro - Mobile
Fiesc Outubro - Mobile
Zagonel - Outubro - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro