Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma
Peste Suína Setembro
Beira-Mar Casan

Moisés projeta ferrovia entre Extremo-Oeste e litoral, expansão da rede de gás e mais investimentos em rodovias

Por: LÊ NOTÍCIAS
04/08/2021 21:59
Peterson Paul/Secom Moisés determinou o início de projetos de infraestrutura e energia para fortalecer a integração entre toda SC Moisés determinou o início de projetos de infraestrutura e energia para fortalecer a integração entre toda SC

Com foco no desenvolvimento de regiões como o Meio-Oeste, Oeste e Extremo-Oeste, o governador Carlos Moisés determinou o início de projetos de infraestrutura e energia para fortalecer a integração entre toda Santa Catarina. Na manhã desta quarta-feira (04), o assunto foi levado às secretarias de Estado da Infraestrutura, Fazenda, Administração e Casa Civil.

As propostas contemplam um projeto de corredor ferroviário estadual e a expansão da rede de gás natural canalizado até o Extremo-Oeste, além da intensificação dos investimentos em projetos e obras para melhorar a malha rodoviária.

"O Estado de Santa Catarina hoje tem uma condição de investimentos inédita em sua história. Graças aos esforços de todos, com redução de despesas, revisão de contratos e enxugamento da máquina, hoje temos recursos próprios, capacidade de planejamento de médio e longo prazo e nome limpo para obter crédito", relata o governador. "É hora de transformar todo esse trabalho de gestão em ações e resultados para os catarinenses. O melhor para Santa Catarina está por vir", projeta Carlos Moisés.

Investimentos estaduais nas BRs

Na reunião, também foram discutidos os investimentos estaduais nas BRs-163, 470 e 280. Há dois meses, o Governo do Estado propôs, com aprovação da Assembleia Legislativa, um aporte de R$ 350 milhões para acelerar as obras nessas rodovias federais. Pela proposta, os investimentos se concentram nos trechos considerados prioritários pelas lideranças regionais, como os lotes 1 e 2 da BR-470, para os quais estão previstos R$ 200 milhões.

A assinatura do convênio agora depende apenas do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), órgão do Ministério da Infraestrutura. O governador decidiu aguardar até a audiência marcada para o dia 17 de agosto, na Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado, para definir os próximos encaminhamentos.

Participaram da reunião os secretários de Estado Jorge Eduardo Tasca (Administração), Paulo Eli (Fazenda) e Thiago Vieira (Infraestrutura e Mobilidade), além do subchefe da Casa Civil, Juliano Chiodelli.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro