Close Menu

Busque por Palavra Chave

Correia Pinto e São Miguel do Oeste podem ter voos regionais regulares

Secom Thiago Vieira e Juliano Chiodelli estiveram em Correia Pinto e São Miguel do Oeste para acompanhar visita técnica Thiago Vieira e Juliano Chiodelli estiveram em Correia Pinto e São Miguel do Oeste para acompanhar visita técnica

Uma comitiva da Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, liderada pelo titular da Pasta, Thiago Vieira, acompanhou uma visita técnica de representantes da Aerosul aos aeroportos Regional do Planalto Serrano, em Correia Pinto, e Hélio Wassun, em São Miguel do Oeste. O subchefe da Casa Civil, Juliano Chiodelli, e lideranças locais acompanharam as ações.

O objetivo foi apresentar as estruturas à empresa, especializada em voos regionais, que tem interesse de operar nos aeroportos. Vieira explicou que, a partir das visitas, inicia-se o diálogo sobre as possíveis linhas, demandas dos usuários em potencial e o interesse da empresa. Uma das possibilidades é oferecer voos diários desses aeroportos a Florianópolis. Outra alternativa é ligar os municípios a polos regionais, como de São Miguel do Oeste para Chapecó. O presidente da Aerosul, Adilson Santos de Oliveira, afirmou que a ideia é iniciar a operação em 45 dias, com aeronaves caravan com capacidade para nove passageiros: “Com isso, criamos a demanda e a tendência é que ela aumente com o passar do tempo.”

Por terra, são necessárias cerca de 11 horas de viagem de São Miguel do Oeste para Florianópolis, por exemplo. Em um voo direto, o trecho seria cumprido em uma hora e meia. “Com um voo diário, se torna factível ir e voltar para a Capital no mesmo dia, algo que hoje é inviável. Para além da economia de tempo, podem pesar, na escolha por uma viagem aérea, custos, como refeições e hospedagem. Queremos aproximar as nossas regiões com o fortalecimento da aviação regional, que é sinônimo de desenvolvimento”, destacou Thiago Vieira.

Gol em mais dois aeroportos

Nesta semana, a Gol Linhas Aéreas manifestou interesse em operar voos no Aeroporto Regional do Planalto Serrano, em Correia Pinto. O objetivo seria oferecer voos três vezes por semana até Guarulhos - viagens que alimentariam, inclusive, outros trajetos nacionais e internacionais.

Vieira destacou que os avanços são reflexo da política de incentivo à aviação regional em Santa Catarina. “Para se ter uma ideia, o Aeroporto do Planalto Serrano estava inoperante e o de Jaguaruna prestes a fechar. Esse retorno das empresas só demonstra que o governo está no rumo certo ao investir na aviação regional”, avaliou.


Outras Notícias
Fecam
OktoberFest
CORAÇÃO DE SC
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro