Close Menu

Busque por Palavra Chave

SP Convention

GENTE CATARINA

Governo investe R$ 3,5 milhões para selecionar bolsistas que atuarão no programa de combate à desigualdade

Por: LÊ NOTÍCIAS
25/10/2021 10:19 - Atualizado em 25/10/2021 10:35

O programa Gente Catarina, lançado recentemente pelo Governo do Estado, segue avançando com ações para elevar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) nos municípios que apresentam os menores indicadores.

Agora, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em atuação conjunta com o Gabinete da Chefia do Executivo (GCE), está com edital aberto para selecionar 31 bolsistas para atuar no programa. O valor total investido é de R$ 3,5 milhões. Os interessados poderão se inscrever até o dia 19 de novembro.

“É gratificante acompanhar o andamento deste programa com a integração de diversas pastas do Governo para melhorar a vida das pessoas. São muitas frentes de trabalho que vão levar mais dignidade, moradia, saúde, educação às famílias catarinenses que mais precisam”, frisa o governador Carlos Moisés.

Ele destaca que desde o lançamento do programa em setembro, ações importantes, no âmbito do Gente Catarina, já foram consolidadas, uma delas ainda nesta semana, quando o chefe do Executivo estadual fez o lançamento do SC Mais Moradia, para a construção de casas para famílias carentes, em parceria com os municípios.

SELEÇÃO DE BOLSISTAS PELA FAPESC

O processo para selecionar bolsistas que atuarão no programa Gente Catarina, de combate à desigualdade, já está com as inscrições abertas. Os interessados têm até o dia 19 de novembro para acessar o formulário disponível na Plataforma da Fapesc.

Há vagas em diversas áreas do conhecimento para atuar nas seguintes cidades: Caçador (6 vagas); Chapecó (6); Florianópolis (3); Lages (7); Rio do Sul (7); Videira (1) e Xanxerê (1). Confira os detalhes das oportunidades abaixo. As bolsas são na modalidade de Desenvolvimento Tecnológico e Industrial (DTI), com duração de um ano, podendo ser renováveis por mais um ano. O valor é de R$ 4,8 mil por mês.

A chamada pública também faz parte do #fapesc@gov+pesquisa&inovação, Programa Interinstitucional de Fomento a Projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação que atendam às demandas da sociedade catarinense por intermédio de órgãos setoriais do Governo do Estado de Santa Catarina.

O presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, ressalta a importância de integrar várias pastas do governo do Estado. “Estamos unindo forças e desenvolvendo um grande projeto de intervenção. A Fapesc tem contribuído não só no desenvolvimento do programa e do projeto, mas também com a expertise dos seus profissionais na realização desta chamada pública para fazer este desafio ao ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI), trazendo, num primeiro momento, alguns profissionais bolsistas para atuar junto às salas de situação e contribuindo no desenvolvimento de metodologias, levantamento e análise de dados para que possamos desenhar uma mudança deste cenário e transformar a realidade dessas regiões.”

A gerente de Ciência e Pesquisa da Fapesc, Deborah Bernett, é integrante do Grupo de Trabalho do Programa Gente Catarina. “É um grande desafio trabalhar com dados e informações que refletem a realidade social dos municípios com IDH mais baixo. O esforço coletivo dos órgãos de Estado, aliado à sociedade, tem capacidade de transformar desafios em ações concretas na direção de solução de problemas. Esse é o propósito principal do programa. A equipe é interdisciplinar e altamente competente. E, agora, com a contratação de bolsistas com experiência e conhecimento, haverá mais competências na equipe”.

Clique aqui e confira o edital

O GENTE CATARINA

Construir soluções com ações integradas é o foco principal do Gente Catarina. Para isso, programas previamente existentes, abrangendo as áreas da Educação, Saúde, Segurança, Desenvolvimento Social e Econômico, serão fomentados por meio de aportes financeiros, promovendo melhores resultados no enfrentamento das causas que impactam no baixo IDH nos municípios-alvo.

Os planos de ação estão divididos em cinco áreas, conforme seus objetivos: Fortalecimento da Atenção Primária da Saúde – APS; Empoderamento da Comunidade Escolar; Monitoramento da Violação de Direitos; Mapeamento de Vocações; Agenda de Desenvolvimento Territorial.

Inicialmente, estão envolvidos no Programa representantes de diferentes áreas do Governo do Estado, a começar pelo Gabinete do Governador. Casa Civil, Secretaria do Desenvolvimento Social, Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Secretaria da Educação, Secretaria da Saúde, Fapesc e Secretaria de Comunicação também estarão mobilizadas na implementação do Gente Catarina.


Outras Notícias
Sindifisco
Alesc - Outubro - Mobile
Essenciais de Verão
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro