Close Menu

Busque por Palavra Chave

SP Convention

Carlos Moisés e embaixador da Índia no Brasil debatem sobre infraestrutura ferroviária

Por: LÊ NOTÍCIAS
03/12/2021 10:07 - Atualizado em 03/12/2021 10:08
Peterson Paul Reunião teve como destaque a prioridade para o transporte de commodities e de produtos de valor agregado por meio das ferrovias Reunião teve como destaque a prioridade para o transporte de commodities e de produtos de valor agregado por meio das ferrovias

Transporte ferroviário foi a pauta principal da reunião entre o governador Carlos Moisés e o embaixador da Índia no Brasil, Suresh Reddy, na tarde desta quinta-feira (02), na Casa d'Agronômica. Durante o encontro, o chefe do Executivo estadual destacou que a infraestrutura é uma das bandeiras da atual gestão e pediu prioridade para o tema na agenda envolvendo cooperações e parcerias do Estado com a Índia.

"Escolhemos a infraestrutura como bandeira de governo e, depois de enxugar a máquina pública, colocar as contas em dia e cortar o desperdício, o Estado consegue investir com recursos próprios em obras que vão trazer mais desenvolvimento. No que se refere às ferrovias, o transporte de commodities e de produtos de valor agregado, as tornam absolutamente viáveis aqui em Santa Catarina. Vamos trabalhar para que essa pauta possa avançar com celeridade e contribuição mútua", disse Carlos Moisés ao embaixador da Índia no Brasil.

O secretário Executivo de Assuntos Internacionais, Fernando Raupp, mediou a reunião e, na oportunidade, destacou que a "Índia é um dos mais importantes parceiros comerciais de Santa Catarina". Entre os principais itens exportados ao país, destacam-se produtos da indústria como: óleo de soja, sucata de ferro, válvulas, ácidos acíclicos, máquinas para trabalhar pedras e motores elétricos. "Queremos ampliar essa relação comercial ofertando produtos catarinenses com qualidade de excelência", projeta Raupp. O consentimento a novas possibilidades de aumentar o volume de comércio exterior veio com a fala do embaixador citando o interesse da Índia por produtos como vinhos, móveis, queijos e itens do setor têxtil catarinense.

Suresh Reddy expressou que há todo o interesse em firmar parcerias com Santa Catarina, nestes e em outros setores. Com relação à infraestrutura, o embaixador afirma ser um dos pilares do crescimento econômico da Índia, junto com a Tecnologia e Inovação, outra área, que, de acordo com ele, "representa um grande potencial para trocas de experiências e conhecimento". Reddy apresentou as conquistas da Índia no segmento, baseadas na digitalização de serviços, atuação de startups, utilização da biometria, e a expansão, por meio da tecnologia, do acesso à educação e serviços de saúde, neste último exemplo, ainda mais expressiva durante o período de pandemia.

Ao apresentar a Índia como um bom lugar para investimentos, Reddy ressalta a combinação: infraestrutura e tecnologia. Prova do esforço para manter os dois setores conectados, gerando mais oportunidades, estão, por exemplo, estações de trens equipadas com Wi-Fi gratuito para a população. "Além de estimular o uso do meio de transporte, nestes locais, todos têm acesso à internet, o que facilita e aumenta o número de negócios efetuados por meio de plataformas digitais e, consequentemente, contribui com indicadores econômicos positivos", afirma Reddy. Segundo ele, na Índia, são transportadas em média 100 milhões de pessoas diariamente.


PRIORIDADE PARA INFRAESTRUTURA

Em sua fala, o secretário de Estado da Fazenda, Paulo Eli, reforçou a importância de parcerias para o transporte ferroviário em Santa Catarina."Temos projetos, mas que acabam ficando com o custo muito elevado porque a maioria dos componentes precisa ser importado. A parceria com a Índia poderá trazer grandes condições de avançarmos", acrescenta Eli. O secretário também apontou outras áreas de interesse do estado, como o intercâmbio universitário e no setor da indústria, especialmente a de insumos fármacos.

O interesse em firmar parcerias, utilizando a expertise indiana para colocar em prática projetos do modal ferroviário também foi o ponto destacado pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira. "A Índia escolheu investir nesta área para se desenvolver, exatamente como a atual gestão do Estado faz, realizando obras para gerar desenvolvimento e qualidade de vida para as pessoas. É este caminho que estamos trilhando e queremos fortalecer compartilhando de boas experiências como é o caso da Índia", pontua o secretário.

Também participaram da reunião na Casa d’Agronômica, o Chefe da Casa Militar, tenente-coronel PM André Alves; o presidente da Fundação Catarinense de Cultura, Edson Lemos; e técnicos da Fapesc. A possibilidade de cooperações nas área da cultura e na capacitação e treinamento de profissionais para o setor de TI também foi discutida pelos representantes internacionais e integrantes do governo de Santa Catarina.


Outras Notícias
Sindifisco
Alesc - Outubro - Mobile
Essenciais de Verão
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro