Close Menu

Busque por Palavra Chave

Transparência Criciúma

As pessoas dormem demais...

Por: Júnior Chisté
17/07/2017 10:05

Estou escrevendo essa coluna exatamente às 07h30 em uma manhã linda de domingo.

O sol despontando, temperatura agradável, vento moderado. A meteorologia anuncia que o frio está chegando.

A maioria esta dormindo, em sono profundo ou simplesmente em suas camas em seus quartos escuros querendo "aproveitar o domingo".

As pessoas dormem também quando estão acordadas.

A maioria delas correrão para seus celulares e começarão a fazer o que fazem todos os dias de sua vida, responder freneticamente às inúmeras mensagens que deixaram de responder na noite de ontem ou quem sabe na madrugada e especialmente já nesta manhã.

Mesmo se não tiver nenhuma, procurarão escrever para algumas pessoas, pois se não falarem com seus amigos virtuais é como se o domingo não vai ser o domingo.

E se eu ficar sem internet? O celular der pau? Já pensou em uma catástrofe dessas? Nem é bom lembrar.

As pessoas dormem cada vez mais, não reparam a vida passando ao seu redor.

Não vejo a hora de acabar de escrever essa coluna, apanhar meu livro, tomar meu chimarrão e ler ao menos umas 30 páginas.

Após isso, me encontrarei com minha família, onde falaremos sobre o que aconteceu ontem, como está o churrasco, o que teremos de sobremesa e daremos muitas risadas.

A tarde, hoje, vou voltar ao meu livro, pois estou lendo algo muito agradável que tem me prendido a atenção como 99% dos livros que leio.

Bons hábitos fazem grandes dias!

Um livro, um bom filme, um bom passeio, família, risos, histórias...

Quanto menos TV, quanto menos computador, internet e celular ao menos nos domingos faz com que você viva mais e perceba o quanto a vida possa ser ainda prazerosa.

Tem algo que me deixa estranhamente instigado, como resido ao lado de um supermercado, antes que eu me esqueça, além dos celulares tem outro fator que a maioria das pessoas não ficam sem especialmente no domingo: cerveja!

As pessoas compram carne, pão, vassouras, sabão em pó, mas com elas sempre a cerveja.

Nossa cultura, nossas reunião em família parece ser sem graça sem a cerveja.

É porque as pessoas "ficam mais alegres" ou os familiares não se aturam mesmo?

Não que às vezes não beba uma cerveja, mas aos domingos, prefiro ficar sóbrio ao lado dos meus pais e de minha família. Assim os percebo com nitidez.

Os supermercados vendem muita cerveja nos domingos!

Eles vão acordar e vão em busca da cerveja com seus celulares e mãos!


Transparência Criciúma 2
Anúncio Radial 2
Palhoça Parques
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro