Close Menu

Busque por Palavra Chave

Adesão ao Plano 1000 põe fim na espera de 40 anos do Contorno Viário Leste de Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
24/12/2021 10:54
Julio Cavalheiro/Secom Por meio do Plano 1000, Chapecó receberá R$ 227 milhões no prazo de cinco anos Por meio do Plano 1000, Chapecó receberá R$ 227 milhões no prazo de cinco anos

O município de Chapecó é o primeiro do Grande Oeste a aderir ao Plano 1000, maior projeto municipalista da história de Santa Catarina. Com a iniciativa do Governo do Estado, que irá destinar recursos para impulsionar e fomentar projetos estruturantes nas cidades, o tão almejado e indispensável Contorno Viário Leste saíra do papel após quatro décadas de espera. A adesão ao programa foi assinada na manhã desta quinta-feira (23), pelo governador Carlos Moisés, prefeito João Rodrigues, secretário da Fazenda, Paulo Eli, e chefe da Casa Civil, Eron Giordani.

Chapecó receberá R$ 227 milhões no prazo de cinco anos. Pelo programa, os municípios catarinenses receberão recursos equivalentes a R$ 1 mil por habitante. Ainda no ato, no auditório da prefeitura, o governador anunciou recursos para construir trevos na SCT-480, próximo da Max Sul, com investimentos de R$ 2,28 milhões.

“O Plano 1000 é um projeto de esperança, de retomada, de investimentos. Nos interessa o que acontece em cada município, por isso estamos fortalecendo os locais e as regiões para levar oportunidades iguais de crescimento e de melhoria da qualidade de vida da população. Temos a convicção de que um município forte faz um estado ainda mais forte. Transformar a realidade dos catarinenses, diminuir o sofrimento das pessoas, este é o nosso objetivo, este é o sentido de governar”, afirmou o governador.

O prefeito João Rodrigues destacou que com o Plano 1000 também serão executadas as obras de Macrodrenagem Urbana de Chapecó, que prevê correção de cursos e canalização e alargamento de rios e córregos para evitar alagamentos. Ainda agradeceu ao governador pela parceria com o município e destacou a importância das obras.

“Temos uma gratidão com o Governo do Estado pois para Chapecó não tem faltado recursos. Agora com o Plano 1000 vamos desengavetar o projeto do Contorno Viário Leste. Estamos fazendo as adequações para apresentar e licitar ainda em janeiro. Este projeto tem estimativa de R$ 180 milhões para um trecho de 22 quilômetros. Também vamos cadastrar o projeto de macrodrenagem, que representa mais R$ 35 milhões.”

João Rodrigues ainda informou que o projeto do contorno vai sofrer uma modificação no traçado, saíndo da SCT-480, no Rodeio Chato, passando pelo distrito industrial e indo até próximo de Cordilheira Alta, onde vira para sair no Belvedere, ligando com a BR-480, que é o acesso para a BR-282.

Rodrigues salientou que os recursos que a prefeitura iria investir na macrodrenagem serão destinados para outras obras, como a pavimentação de estradas rurais e o acesso ao Autódromo Internacional. “Isso será possível pois temos a parceria certa, o governador Carlos Moisés, que está garantindo recursos por meio deste programa e outros. Com certeza, vamos transformar a realidade de Chapecó”.

Participaram do ato o subchefe da Casa Civil, Juliano Chiodelli, o secretário da Agricultura, Altair Silva, presidente da Epagri, Edilene Steinwandter, da Cidasc, Plinio de Castro, deputado estadual, Marcos Vieira e Jair Miotto além de outras autoridades e comunidade


Outras Notícias
Alesc - Motivação - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro