Close Menu

Busque por Palavra Chave

BEATIFICAÇÃO

Comissão reúne documentação e processo de Frei Bruno avança

Por: LÊ NOTÍCIAS
20/07/2017 09:33
Membros da comissão dedicam-se à fase final antes da beatificação de Frei Bruno (Foto: Vitória Schettini/LÊ) Membros da comissão dedicam-se à fase final antes da beatificação de Frei Bruno (Foto: Vitória Schettini/LÊ)

O Tribunal Eclesiástico foi iniciado em 30 de outubro de 2013, pelo Bispo Franciscano da Diocese de Joaçaba, Dom Mário Marquez, que abriu oficialmente a fase e instaurou os membros do Tribunal.

A primeira etapa do julgamento era a coleta de depoimentos de testemunhas das ações virtuosas de Frei Bruno. A segunda parte, chamada Bloco Teológico, consistiu em juntar documentos escritos, que estavam de acordo com o evangelho, além de registros históricos pelas cidades onde o Frei passou. A terceira e atual fase, ou Processo Diocesano, resume-se na compilação, classificação e paginação de todos os documentos oficiais coletados.

Nesta semana, alguns religiosos estão reunidos em Xaxim para dar seguimento ao processo de beatificação de Frei Bruno, que foi iniciado há quatro anos pela comissão liderada pelo bispo Dom Mário Marquez, responsável por todo o processo de beatificação de Frei Bruno, em nível de Brasil; Frei Alex Ciarnoscki vice-postulador e Frei Clarêncio Neotti, membro do Tribunal Eclesiástico, do Espírito Santo, juntamente com Frei Estevão Ottembreit, que veio do Vaticano para auxiliar nos trabalhos. O grupo trabalha com apoio de Elizabeth Chitonia; Iraci Lopes e Michele Selig, que fazem parte da Comissão Histórica.

Segundo Dom Mário Marquez, é preciso que toda a documentação esteja em ordem do início, meio e fim, para que conclusão, prevista para o mês de outubro, seja enviada ao Vaticano. “Estamos concluindo o Processo Diocesano de acordo com o postulador de Roma e dos vice-postuladores daqui, como o Frei Alex”, salienta o bispo. “Quando a documentação estiver pronta, a comissão vai definir na época certa quem vai comigo a Roma. Poderá ser uma pessoa ou duas, depende também da disponibilidade dos membros da comissão”, completou Dom Mário.

No Vaticano, para o processo de beatificação, primeiro será feito uma análise com os documentos e depoimentos de testemunhas. Depois de tudo analisado, a exigência final para que Frei Bruno se torne beato é que se tenha um milagre verdadeiramente comprovado. “O critério é muito exigente e rigoroso”, afirma o bispo de Joaçaba.

O próximo passo é a canonização que será iniciado quando outro milagre for comprovado, através de muitas orações e pedidos dos membros da comissão. Posteriormente se comprovado, o Vaticano vai conferir a Frei Bruno Linden a designação de santo. Algumas reuniões estão sendo feitas em Xaxim, em virtude da maior parte dos documentos estarem na cidade, mas também, outras acontecem na Diocese de Joaçaba, cidade em que o Frei está sepultado.


Outras Notícias
Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro