Close Menu

Busque por Palavra Chave

Polícia Civil apreende bens de estelionato avaliados em R$ 60 mil em Guatambu

Por: LÊ NOTÍCIAS
28/01/2022 11:53 - Atualizado em 28/01/2022 11:57
Polícia Civil de Chapecó Bens foram adquiridos por um jovem de 23 anos, que os comprou com um cartão de crédito extraviado, que pertencia a um advogado de 57 anos Bens foram adquiridos por um jovem de 23 anos, que os comprou com um cartão de crédito extraviado, que pertencia a um advogado de 57 anos

A Polícia Civil, durante a Operação Difron Segura, por meio da 3ª Delegacia de Polícia de Fronteira de Chapecó, apreendeu, nesta tarde de quinta-feira (27), em Guatambu, a quantia de R$ 60.000,00 em bens móveis, adquiridos com cartão de crédito extraviado em Campos Novos.

No dia 04 de dezembro de 2021, o advogado de 57 anos, teve seus documentos extraviados, entre eles um cartão de crédito. No dia 18 de janeiro, ao conferir o extrato do cartão, verificou compras realizadas por terceiro, nos valores citados.

Em um trabalho conjunto da Delegacia de Polícia de Campos Novos e da 3ª Delegacia de Polícia de Chapecó, se logrou êxito na identificação e qualificação do suspeito, assim como na localização do seu endereço residencial.

Diante das informações acima, a autoridade policial e os agentes de Polícia Civil se dirigiram para a imóvel do suspeito, sendo recebidos pelo investigado que, de imediato, após ser indagado a respeito do crime, confessou a prática da infração penal, indicando os bens que havia adquirido com o cartão de crédito de terceiros.

O suspeito, de 23 anos, relatou que recebeu o cartão de crédito de um adolescente conhecido, oportunidade em que realizou comprar em diversos estabelecimentos de Chapecó, causando o prejuízo e incorrendo no crime de estelionato, em continuidade delitiva.

Perguntado à respeito do cartão de crédito, o suspeito informou que teria queimado o documento, autorizando os policiais a procurarem na residência, diligência que foi realizada, no entanto, sem êxito na localização do documento.

Diante dos fatos e dos elementos probatórios, somados à confissão do suspeito, esse foi encaminhado para a 3ª Delegacia de Polícia de Chapecó, sendo então, interrogado. O inquérito policial foi instaurado para apurar os fatos e será finalizado nos próximos dias.


Outras Notícias
Alesc - Motivação - Mobile
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro