Close Menu

Busque por Palavra Chave

Transparência Criciúma

Frei Afonso, o nosso Mozart!

Por: Júnior Chisté
31/07/2017 09:04

Tornar meninos e meninas de oito, dez, doze anos em grandes cantores e leitores de partituras.

Esse homem fazia da voz mais insegura e trêmula de um pequeno ser algo que entoava pelos salões da região e do Brasil.

Com aquele pequeno instrumento chamado de "flauta doce" as melodias mais célebres de Mozart a Beethoven, de Vivaldi à Strauss, a magia a cada novo encontro diário era como um sopro de vida e de renascimento, de descobrimento do mundo, de um mundo que sem o nosso eterno maestro Frei Afonso Vogel jamais centenas de pessoas que por aqui residem e já passaram não haviam descoberto.

O Coral Arautos do Grande Rei, se tornava um dos melhores corais brasileiros.

Participava dos Congressos Brasileiros e sempre era aplaudido em pé, participava ao lado, por exemplo, dos Meninos Cantores de Petrópolis, tido como exemplo para o país.

Frei Afonso jamais quis se afastar de Xaxim, foi sugerido a ele que por várias vezes deixasse nossa paróquia, tanto que conseguiu ficar um ano em Curitiba e voltou rápido para nosso Xaxim.

Jamais saiu daqui em mais de quatro décadas.

Visitei-o há cerca de três meses e ele estava esfuziante como sempre estudando uma nova melodia e mostrando no YouTube uma nova apresentação do SEU Coral Arautos do Grande Rei.

Pessoas como o Frei Afonso não morrem jamais, o seu legado será impossível de ser esquecido e esse é o grande significado da vida.

Poucos conseguem isso, só os gênios na verdade conseguem... só os acima da média, só os que se dedicam e acreditam em algo que ninguém sequer imaginou!

Meninos e meninas cantores do Frei Afonso, jamais esqueceremos as tardes onde ensaiávamos à exaustão dentro da própria sede, ao lado da Matriz e pelo vasto gramado logo atrás de nossa Igreja.

Eram acordes para todos os lados como se fosse um conto de fadas.

Frei Afonso exigia o máximo como um treinador dos céus, o seu ouvido era algo extraordinário, conseguir ouvir até mesmo voz por voz, diante de um coro de mais de 40 vozes.

Legado são para gênios eu repito!

Tenho ainda minha flauta doce, ela tem aproximadamente 30 anos e ainda me lembro de algumas músicas que ainda sei tocar e cantar.

Ficar ao lado deste homem me fez acreditar que eu poderia abrir a boca e despertar emoção, que através de um simples instrumento de lá poderia sair melodias, as mesmas que saem dos maiores pianos e das grandes orquestras.

Xaxim está orando por seu restabelecimento Frei Afonso, seus meninos (as) cantores estão ao seu lado para sempre, saiba disso.

O que falar de suas missas? Você cantava durante elas, fazia questão também de deixar sua marca em cada celebração.

Por enquanto, gratidão a você Frei Afonso e a Deus por estar conosco e nos ensinar tanto e nos proporcionar tanto, para SEMPRE!


Transparência Criciúma 2
Anúncio Radial 2
Palhoça Parques
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro