Close Menu

Busque por Palavra Chave

Sabedoria e respeito ao dinheiro público

Por: Marcos Schettini
19/10/2016 10:16
(Foto: Divulgação/LÊ) (Foto: Divulgação/LÊ)

O empresariado de Cordilheira Alta sabe o quanto custa pagar impostos, manter o emprego, investir para não ser massacrado pelo concorrente. E impostos é o que mantém o Poder Público. Não ter sempre os mesmos é o recado que o consenso mandou para todos. E os presidentes dos partidos, todos eles, devem se reunir, chamar seus militantes, colocar o prefeito e a classe produtiva para encontrar os melhores nomes para as Secretarias, diretorias e auxiliares diretos. É a sociedade que paga caro para manter toda a estrutura. De que vale um consenso, uma chapa única, se são sempre os mesmos há anos vivendo à custa da prefeitura? Com a palavra o empresariado, a sociedade, a dona de casa, os trabalhadores.


Parabéns

A comunidade de Cordilheira Alta está de parabéns por ter construído a chapa única. Com este gesto, dispensaram a disputa, não gastaram dinheiro à toa e não dividiu famílias e amigos como em outras disputas eleitorais. Agora é ir em frente.

Desafio

Carlos Alberto Tozzo, desrespeitado no passado, inclusive pelo prefeito Alceu Mazzioni, chegou à prefeitura por méritos coletivos. Os partidos entenderam a mensagem do empresariado e abraçaram a causa. Agora o governo é de todos para todos.

Chega

A municipalidade de Cordilheira Alta sabe que Alceu Mazzioni está vivendo da prefeitura, do serviço público desde que o município foi criado. Agora está na hora de deixar as pessoas, com mais agilidade e vontade de trabalhar, fazer a diferença.

Trabalho

Ao deixar a prefeitura e ir para a vida privada, Alceu Mazzioni tem a obrigação de contribuir longe da prefeitura. Uma delas é criar uma empresa para ajudar a oferecer emprego e renda para a juventude. Ser um empresário.

Viagens

Todas aquelas viagens que Alceu fez para a Europa, pago com dinheiro da prefeitura, pode agora servir de orientação para que Mazzioni use aqueles conhecimentos para criar uma empresa e ajudar no desenvolvimento da sociedade. É o momento.

Professor

Na eleição que perdeu para Ribamar Assonálio e Clodoaldo Briancini, em 2008, Alceu voltou à sala de aula. Não há sentido para isso ocorrer. Ele precisa gerar emprego e criar uma empresa. Ir para a iniciativa privada e mostrar o talento e criatividade.

Também

Mauro Moresco, embora seja um empresário, está há muito tempo na prefeitura. Tem talentos, como o dele, sobrando em Cordilheira Alta e está esperando um gesto dele para que possa ter, também, a oportunidade de mostrar o que sabe.

Força

O atual secretário da Administração de Cordilheira Alta é um jovem talento, tem um futuro grandioso e, saindo da prefeitura em dezembro, deixando outros assumirem em seu lugar, ganha o respeito para buscar a prefeitura em 2020. E tem tudo para isso.

Desapego

Bem diferente de Alceu Mazzioni, Mauro Moresco pode, ele mesmo, tomar a iniciativa e ficar longe da prefeitura. Produzir sua liderança, conversar com o empresariado e as comunidades, mostrar que não precisa do Poder Público para viver.

Bonito

Voltar para a prefeitura é mostrar para a sociedade que não tem outra ocupação para fazer. Mauro Moresco não precisa disso, não precisa da prefeitura. Será um grande gesto de nobreza para ele mesmo, sua família e a sociedade. O tucano sabe disso.

Grandiosidade

Por ser um lugar onde todos se conhecem, as pessoas sabem o tempo que cada um está na prefeitura. Quando se é um funcionário concursado, de carreira, é respeitado. Mas cargo comissionado para sempre, envergonha muito. Moresco é um homem inteligente.

Troca

A questão do consenso, muito bem produzido por Nico Tozzo, Luiz Tozzo, Chico, lojistas, pequenos negócios, foi no sentido de não gastar e dar oportunidade para outros mostrarem seus talentos. Os mesmos de sempre, assusta todo mundo. Sabedoria.


FALEI

“Estamos visitando todos os gabinetes em Brasília”.

Lírio Dagort, prefeito eleito, buscando recursos para 2017 na Câmara e no Senado.


“Foi a sociedade que nos deu o mandato e vamos respeitar tudo o que ela quer que façamos”.

Carlo Alberto Tozzo, prefeito eleito de Cordilheira Alta, falando da transparência do seu governo.


“Estamos sendo recebidos pelos deputados e senadores com todas as portas abertas”.

Adriano Bortolanza, vice-prefeito eleito de Xaxim, feliz pela recepção que está tendo em Brasília.


Anúncio Radial 2
Campanha Infraestrutura - Mobile
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Campanha Santur
Rech Mobile
Alesc Facebook - Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro