Close Menu

Busque por Palavra Chave

Transparência Criciúma

Sem luz... sem esperança!

Por: Júnior Chisté
21/08/2017 09:54

No sábado à noite, Xaxim ficou por aproximadamente duas horas sem energia elétrica em várias partes da cidade em decorrência dos fortes ventos e chuvas.

Logo me lembrei do local onde estive na sexta-feira a noite, no Bairro Santa Terezinha, fui ver "in loco" a situação de muitas famílias que estão há praticamente um mês sem essa mesma energia.

O que menos eu quero saber é se essas famílias estão em situação irregulares, se alguém fez promessa e não cumpriu, se a culpa e do governo de oito anos atrás, de quatro anos ou deste.

Gosto de falar de solução, de efetivação, de dignidade, porque é isso que importa quando falamos em seres humanos, quando nos referimos às famílias, especialmente porque nelas habitam crianças de apenas duas semanas de vida, pessoas enfermas, crianças de poucos anos de vida e idosos que não podem nem tomar um banho quente ou fazer uma refeição adequada.

Sei que quando se fala de gerir o que é público não é como gostaríamos que fosse, dependemos de uma série de fatores e temos que obedecer gradativamente todas as esferas.

Mas do jeito que aquelas famílias estão vivendo é um descalabro, não há como ficar de braços cruzados quando sei que posso fazer algo.

Sempre acredito que as pessoas, que o povo, que a população, que qualquer homem pode fazer sempre mais, principalmente quando este se vestir de boa vontade.

E isso se encaixa perfeitamente aos nossos políticos daqui, de Santa Catarina e do Brasil. Representantes de todos os partidos, de seus deputados e senadores.

Onde estão vocês? Aparecerão somente ano que vem pedindo mais uma vez sufrágios para estes mesmos anunciantes de milagres?

Sem luz... sem esperança! II

Dois momentos me fizeram com que me emocionasse junto aqueles moradores!

Primeiro vendo a pequena Ana Vitória, de apenas 19 dias de vida, em seu berço, no escuro, mesmo sabendo que ela pode ver somente vultos e seus pais com duas velas, zelando por ela no instante em que o choro não cessa.

Em uma outra oportunidade, uma senhora de aproximadamente 80 anos, depois que proferi algumas palavras de conforto para algumas famílias, ela me pediu se poderia me dar um abraço e que iria orar pra mim.

Há pagamento para isso?

Não quero criticar ninguém, muito menos saber quais são os obstáculos para o restabelecimento da energia elétrica para essas famílias. Se eles estão irregulares ou não. Só sei que são pais e mães de famílias que merecem ser olhados e tratados com dignidade.

Ao menos com dignidade e respeito, só isso!

São xaxinenses!


Transparência Criciúma 2
Anúncio Radial 2
Palhoça Parques
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro