Close Menu

Busque por Palavra Chave

Xenna dentista, chileno, garçom, ativista, no plantio e nos palcos

Por: Axe Schettini
11/09/2017 08:48 - Atualizado em 11/09/2017 08:59

Tudo na vida tem uma razão, sendo que todas nossas atitudes e ações, agora ou futuramente, irão nos trazer um significado, bom ou ruim, às vezes decepcionantes para si e excelente para outros. Em alguns momentos, a pessoa pode chegar num padrão social, mesmo que seja bom financeiramente, que não lhe satisfaz mais, aí é necessário mexer as peças do tabuleiro para, mesmo perdendo alguns aliados, vencer a partida da vida.

Há alguns anos, o xaxinense Tiago Gheno, carinhosamente chamado de Xenna, largou toda aquela vida padrão dos bons costumes e seguiu seu rumo, orientado pela bússola chamada coração. Ele foi, largou a vida em Xaxim, o trabalho diário de dentista, e foi atrás do seu Eu, o que lhe satisfaz, independente do que as pessoas fossem falar, mas em busca da sua própria felicidade.

Com o necessário para sobrevivência, rumou ao pacífico, mas precisamente ao Chile, onde, sozinho, fez a vida florescer novamente. Conheceu pessoas, trabalhou em outros ramos, abriu a cabeça, teve novas experiências e, muito mais rico espiritualmente, retornou ao condado xaxinense para conviver novamente com as pessoas com quem se criou.

Já em Xaxim, livre de tudo e de todos os males, iniciou uma proposta de inclusão social com crianças carentes, através de encontros temáticos e educacionais nas escolas, ativando seu lado ativista. Paralelamente aos trabalhos sociais, a lei da sobrevivência lhe encaminhou ao trabalho de garçom, longe de status e livre dos pensamentos alheios, servia os “guerreiros” com “gratidão”, como costuma dizer repentinamente.

Depois focou os trabalhos na produção de cogumelos, que cultiva com amor e respeito à natureza, atraindo clientes de toda a região, aumentando gradativamente a quantidade de vendas e o tamanho da safra.

A última de Xenna é os palcos. A música que sempre fez parte de sua vida, mesmo antes de ir ao Chile, quando tinha uma banda em Xaxim, agora transcende seus brios e, com uma afinação incrível, recentemente se apresentou no Sesc, em Chapecó, somente na voz e no violão, recebendo aplausos e parabéns devido sua performance. Sua apresentação foi elogiável, com uma voz serena e tranquila, fazendo uma lembrança da MPB raiz, aquela da década de 70, com Chico Buarque, Gilberto Gil, Caetano Veloso, entre outros tantos merecidamente comparados, em sua altura, pela dedicação e maestria. Parabéns Xenna. Gratidão!


Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro