Close Menu

Busque por Palavra Chave

SP Convention

Por: LÊ NOTÍCIAS
11/09/2017 10:35

Já foi falado neste Editorial, e não foi uma só vez, que as atitudes municipais, seja ela qual for que seja tomada, terão consequências no dia a dia dos cidadãos. Esta tese, de fato, é para tudo e todos. Não apenas para uma pessoa, família, empresa, municípios, estado ou país, até mesmo o mundo, tudo tem consequências boas ou ruins.

Neste raciocínio, é preciso fazer as escolhas certas porque elas vão levar as pessoas para o melhor lugar. Não basta falar, é preciso decidir e seguir em frente para que as respostas ocorram. E Xaxim, como ela é vista, observada, muitas vezes com desprezo econômico e político, são respostas do passado que chegam agora.

A vida municipal está parada, a situação está ficando ruim para todos porque não se tem o limite das coisas, não estão sendo medidas as distâncias dos passos e, quando se vê, tudo passou e ficaram apenas as lembranças das ideias que não foram seguidas.

Austeridade no trato público é um procedimento que merece os aplausos, mas é algo pequeno, diminuto para alturas a serem alcançados, rumos a serem seguidos que justifiquem as benesses para cada cidadão.

São necessários atos que o Poder Público determine a direção e que as entidades, hoje navegando cada um em sua direção, reafirmem-se nos propósitos que favoreça o desenvolvimento, a melhoria da economia e incentivem o ideal empreendedor em cada ação. Como fazer isso?

Quando se falou em cartilha de atitudes, com determinações e rumos a serem seguidos, rupturas do passado e discussões do futuro, é porque este debate não existe há décadas. Nunca se fez nada neste sentido e, por não terem feito isso ontem, paga-se hoje. Caso não seja imediatamente rompido, o futuro será ainda pior.

Por isso que este LÊ NOTÍCIAS tem tido a ousadia de propor o debate, de inflar as discussões e fazer a discussão em favor da municipalidade, pela municipalidade, em detrimento da municipalidade. Sair de ontem e mergulhar no amanhã. As portas estão abertas para todos, mas é preciso saber as condições do outro lado para que, entrando em novo chão, saiba-se onde ir e o que buscar.

Rompimento de Xaxim com a Amai é, hoje, uma dor apenas para a instituição que a abriga. Sofrimento histórico forte, a municipalidade viu, e vê, sua estagnação ganhando altura sem precedentes há anos. Por quê? Inocente, observa-se vencedora de algo que não comunga. Xaxim tem boas intenções com todos seus coirmãos municipais, menos consigo mesma.


Essenciais de Verão
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro