Close Menu

Busque por Palavra Chave

Cunha preso

Por: Gustavo de Miranda
25/10/2016 10:45

Então, eis que foi preso preventivamente o Eduardo Cunha, hoje cassado e ex-presidente da Câmara dos Deputados, por decisão do juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato, que justificou a medida dizendo que o poder que ele tem para obstruir as investigações “não se esvaziou” e o Ministério Público Federal argumentou que ele solto é um risco à instrução do processo e à ordem pública e que há o risco de fuga em virtude desse dinheiro no exterior e da cidadania italiana.

A acusação principal é de que ele recebeu um milhão e meio de propina proveniente de um contrato da Petrobrás de exploração de um campo de petróleo em Benim, um país da África, e usar contas na Suíça para lavar esse dinheiro. Aliás, Moro ainda determinou o bloqueio de R$220 milhões das contas dele.

Como ele foi cassado esses dias atrás, perdeu o foro privilegiado por prerrogativa de função, então não responderá ao processo no STF, e sim, na Justiça Federal. Até lá, ficará preso na República de Curitiba, que vai receber ainda mais gente boa como ele, provavelmente até o homem mais honesto do país, e há a possibilidade da famigerada delação premiada.

Possibilidade só, não quer dizer que vai acontecer, é claro. Mas, seria um sonho saber o que esse infeliz sabe e guarda para si e seus confrades, provavelmente justificaria todas as brincadeiras que vemos em programas de humor e nas redes sociais.

Seus advogados argumentam que a prisão foi absurda e sem motivação. Não se pode levantar rancores pelos colegas, eles estão exercendo sua profissão e fazendo seu trabalho de defensores, para o que foram muito bem pagos, provavelmente com dinheiro fruto de conchavo, mas enfim.

A situação é que Cunha está agora debaixo dos olhos da Justiça e não vai ser fácil escorregar dessa. Ele caiu justamente na corte mais ferrenha em ação no país hoje e suas alternativas cada vez diminuem mais. O cerco vai fechar até não sobrar mais nenhuma na verdade, no máximo vai ficar entre permanecer calado ou delação.

A realidade é que não podemos subestimar essa gente. Cunha é um mafioso experiente e bem paramentado e instrumentalizado em várias esferas políticas e sociais que lhe dão assistência, ele pode manobrar mesmo estando preso, já vimos isso acontecer. Não me espantaria também um novo Celso Daniel ou PC Farias, pois os possíveis prejudicados por qualquer atitude do Cunha agora podem tomar caminhos mais macabros se partirem para a queima de arquivo.

Só resta ficar atento agora, tempos nublados então por vir, esse foi um peixe bem grande.


Outras Notícias
Anúncio Radial 2
Campanha Infraestrutura - Mobile
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Campanha Santur
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro