Close Menu

Busque por Palavra Chave

Transparência Criciúma

Bolsonaro: Quem resolve melhor? Educação ou metralhadora?

Por: Marcos Schettini
11/10/2017 10:52

A Polícia Militar é um exemplo de trabalho, respeito e dedicação. Dão a vida para cumprir a missão que, dia a dia, só aumenta. Não é o trabalho deles que é ineficiente ou o juiz que manda soltar. A questão é educação, oportunidades, cidadania, direitos e deveres que a Nação nunca teve. A tese de que a corrupção ou a violência cresceu porque é o jeito brasileiro, é morto. Sai das mentes pobres e sem argumento, cabeças falidas. A inteligência humana, despertada na Educação, no conhecimento, gera uma Nação rica, independente e superada nos seus erros. Não é um candidato a presidente tupiniquim, nascido da falência plena do conhecimento. Ele, um tirano fútil, gangrenado pelo que gerou de falsos sonhos, é a antítese do sucesso, da liberdade de um povo que, desde ontem, desde sempre, tem a bota pesada sobre seu pescoço. Armar o cidadão, sem o conhecimento que é seu fim, é arrancar o seu cérebro e deixar o lugar oco. Já é assim. Não precisa esforço.


Bala

Já começa a ganhar terreno, a questão de armar a sociedade para evitar que, de posse de uma, consiga defender-se da violência que cresce no país. Assalto, latrocínio, estupro, atentado à mulher e etc. Brasil morto.

Arma

Para uma sociedade de ignorantes, o Brasil é campeão em analfabetismo, saneamento básico, educação de qualidade, infraestrutura, respeito à criança, idoso, adolescente e à mulher, qualquer argumento pobre, ganha fama.

Violência

Para a mesma sociedade construída em alicerce fraco, no pântano, qualquer ideologia se firma por um tempo. A questão de armar a sociedade onde a maioria é formada por patetas, a solução está mesmo na bala de revólver.

Justiça

Não se constrói uma Nação na desigualdade e falta de oportunidades. Educação é a porta de toda solução na sociedade. Com ela, a consciência ganha sabedoria e a tolerância de raça, cor e religião, é edificada. Não na bala.

Paz

É fruto da justiça social. Onde há crescimento de fome e falta de sonhos, a violência aumenta, fecham-se escolas e abrem-se penitenciárias. Qual país avança nestas condições. Tem que dar conhecimento em tecnologia ou cartuchos?

Rumo

Jair Bolsonaro, defensor do caos para justificar que o Brasil tem jeito na força da bala, só cresce em uma sociedade de patetas. Uma Nação como a Finlândia ou Suécia, Dinamarca, ele seria completamente ignorado.

Diferença

Os países capitalistas como Dinamarca, Suécia e Finlândia, para citar três, tem na Educação o pilar central de sua existência. No Brasil há quem quer chegar neste modelo fomentando ódio, corrupção, concentração de riquezas e impostos.

Blá

Empresariado inteligente, que olha o futuro, tem visão inteligente como Glauco Côrte, exemplo da indústria e do sucesso. Defensor da Educação para tirar o país do atraso e da violência. O restante, curto em raciocínio, quer o chumbo.


Transparência Criciúma 2
Anúncio Radial 2
Palhoça Parques
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro