Lê Notícias - Polícia - Suspeito é preso por estupro de vulnerável...
Close Menu

Busque por Palavra Chave

Suspeito é preso por estupro de vulnerável e pornografia infantil em Vargeão

A Polícia Civil de Santa Catarina (PCSC), por meio da Delegacia de Polícia do Município de Vargeão, com apoio da Delegacia de Polícia Civil da Cidade de Ponte Serrada e da Delegacia de Polícia Civil de Xanxerê, prendeu, preventivamente, na tarde desta segunda-feira (04), no Centro de Vargeão, um suspeito, de 24 anos, responsável pelos crimes de estupro de vulnerável e pornografia infantil.

O CASO

No dia 28 de dezembro de 2022, o investigado, após elaborar um perfil falso no Facebook e Instagram, se passando por uma adolescente e ganhando a confiança de uma adolescente, de 12 anos, inclusive com recebimento de fotografias de nudez da vítima.

Assim, passou a exigir, mediante grave ameaça, que a ofendida produzisse vídeos pornográficos e os encaminhassem para o suspeito, sob pena de divulgação das referenciadas fotografias e vídeos, diretamente na rede mundial de computadores.

No dia 22 de setembro de 2023, o suspeito, ciente da idade de uma adolescente, de 13 anos, usando o mesmo perfil falso, atraiu-a para um encontro, mantendo conjunção carnal com a ofendida que, posteriormente, após ser submetida a exame pericial, foi confirmado a abuso sexual.

Ciente dos fatos, a autoridade policial instaurou o necessário inquérito policial, ocasião em que os policiais civis colheram os elementos de prova e elaboraram um relatório de investigação policial.

Apresentado o relatório, a autoridade policial representou pela prisão preventiva do investigado no dia 21 de fevereiro, momento em que o Ministério Público se manifestou de forma favorável, representando, inclusive, pela busca e apreensão na residência do suspeito.

A PRISÃO

Na tarde de ontem, então, os policiais civis deram cumprimento à ordem judicial, localizando o suspeito, ocasião em que foi encontrado com o investigado um celular contendo inúmeras cenas de nudez e sexo explicito de crianças e adolescentes.

Interrogado, na Delegacia de Polícia Civil, o suspeito não soube explicar os fatos.

Após os procedimentos legais, o investigado foi encaminhado para o sistema prisional da cidade de Xanxerê, local em que permanecerá à disposição da Justiça.

O inquérito policial será finalizado no prazo de 10 dias.


Outras Notícias
Governo de SC
Prefeitura de Chapecó
Semasa Itajaí
PALHOÇA
Câmara Floripa
Unochapecó
Prefeitura Floripa Junho
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro