Lê Notícias - Política - Apenas 30% dos professores da rede estadual...
Close Menu

Busque por Palavra Chave

Sebrae

Apenas 30% dos professores da rede estadual de educação são efetivos em SC

Por: LÊ NOTÍCIAS
28/05/2024 08:45 - Atualizado em 28/05/2024 08:46
Taylor Flowe/Unsplash Estado tem um dos menores índices de professores efetivos na rede estadual de educação, com apenas 30%, muito abaixo da média nacional de 46,5%, impactando negativamente a qualidade do ensino Estado tem um dos menores índices de professores efetivos na rede estadual de educação, com apenas 30%, muito abaixo da média nacional de 46,5%, impactando negativamente a qualidade do ensino

Santa Catarina fica para trás nos indicadores nacionais quando o assunto é educação. O Estado está entre os piores no ranking de professores efetivos na rede estadual. São apenas 30% dos docentes, quando a média nacional chega a 46,5%, um dos menores índices do país. Os dados são da própria Secretaria de Estado da Educação.

O Plano Nacional de Educação orienta que as redes públicas tenham pelo menos 90% dos profissionais do magistério em cargos efetivos. Mas em Santa Catarina o quadro se inverte. São 44,4 mil professores ao todo e, destes, 13.030 são efetivos, enquanto outros 31.400 são temporários.

“Ter professores efetivos melhora a qualidade de ensino e aprendizagem, já que o professor atua ao longo dos anos na mesma escola, acompanha a evolução dos alunos e estabelece uma relação mais próxima”, explica a deputada Luciane Carminatti, presidente da Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa.

No outro lado está o professor temporário, que não acessa a carreira do magistério, precisa atuar em mais de uma escola para complementar a renda e troca de local de trabalho todos os anos, perdendo o vínculo com demais funcionários e com os alunos.

Também não há incentivo por parte do Governo do Estado para mudar esse cenário. O último concurso para o magistério foi realizado em 2017. Em setembro de 2023, o governo chegou a anunciar um edital para 10 mil servidores, entre professores e técnicos, que não foi lançado até agora.

PROJETOS PARA AS ACTs

Com a tendência de aumentar a quantidade de temporários, a deputada Luciane Carminatti (PT) criou um projeto para melhorar a qualidade da contratação e do trabalho dos professores em Santa Catarina. O PL 267/2022 estabelece, entre outros pontos, a vigência dos processos seletivos, prazo para homologação dos resultados e a escolha de vagas.

Mas uma questão se destaca: a possibilidade de afastamento para acompanhar o filho em tratamento de saúde. Hoje o professor que faltar por esse motivo tem o dia descontado e pode ser exonerado.

“Temos que lembrar que a maior parte dos docentes são mulheres e muitas delas são mães solos. Cuidar dos filhos e levar ao médico fica tudo sob responsabilidade delas. Não podemos permitir que percam o emprego e a fonte de renda por causa disso”, defende Carminatti.

O projeto está em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça. Para ajudar no avanço do PL, a deputada lançou um abaixo-assinado, que já conta com 4,5 mil assinaturas.

Para participar, acesse https://lucianecarminatti.com.br/. Podem assinar professores e outros profissionais da educação, assim como a comunidade em geral.

QUADRO DE PROFESSORES DA REDE ESTADUAL

  • Efetivos: 13.030
  • Efetivos em sala de aula: 8.952
  • ACTs: 31.400

Outras Notícias
Prefeitura de Chapecó
Semasa Itajaí
Unochapecó
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro