Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

NATAL 2017

Expectativas de venda aquecem comércio xaxinense nesse final de ano

Por: LÊ NOTÍCIAS
19/12/2017 11:11 - Atualizado em 19/12/2017 11:14
Comércio de Xaxim permanecerá aberto durante essa semana em horário especial (Foto: Vitória Schettini/LÊ) Comércio de Xaxim permanecerá aberto durante essa semana em horário especial (Foto: Vitória Schettini/LÊ)

Por Vitória Schettini

Dezembro é um dos meses mais esperados do ano. É o mês em que os estudantes de ensino fundamental, médio e de ensino superior entram em férias, os colaboradores das empresas também, época das festas de fim de ano e quando o sentimento natalino de esperança e paz contagia a todos. Nesse sentido, após um difícil período de recessão econômica, índices e pesquisas mostram que a economia tende a melhorar e também anima os comerciantes e a população.

Conforme uma pesquisa realizada pela Federação do Comércio, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio-SC), a diminuição do desemprego, juros pequenos e a queda na inflação impulsionam o consumidor a comprar nessa época do ano. Também, a intenção de compra mostra que o gasto médio com presentes será de R$459,78, com um progresso de 3% em relação a 2016.

Outro dado apontado é de que a forma de pagamento mais utilizada nessa época do ano é o pagamento à vista, já que os clientes estão com mais poder de compra e com 13º salário em mãos. A tendência divide-se em pagamento em dinheiro (69,9%), cartão de débito (7,7%) e crédito à vista (5,8%). A pesquisa foi feita nos municípios de Chapecó, Lages, Florianópolis, Criciúma, Joinville, Itajaí e Blumenau, com o objetivo de observar o comportamento do consumidor e medir o impacto da data para os empresários do comércio.

HORÁRIO ESPECIAL DE ATENDIMENTO

Nessa semana, o comércio atende em horário especial. O intuito da Câmara de Dirigentes Lojistas de Xaxim (CDL) é aquecer o comércio e possibilitar a compra dos presentes de Natal àqueles que ainda não a efetuaram. No dia 19 de dezembro, o comércio estará aberto até às 20h e nos dias 20, 21 e 22, funciona até às 22h. No sábado (23), o atendimento ocorrerá até às 18h e no dia 24 permanecerá aberto das 8h30 às 12h. No Natal (25), o comércio permanece fechado e no dia 26, das 13h às 19h. No dia 30 de dezembro, a CDL realizará o sorteio de um Fiat Mobi completo e zero quilômetro, com os estabelecimentos funcionando até o meio-dia e no dia 31, ficarão fechados.

Os xaxinenses podem participar da Campanha Natal Encantado, realizada pela CDL, comprando nas lojas participantes, onde os clientes ganham cupons com números da sorte a cada R$ 50,00 em compras, além de vale compras no valor de R$1000,00. Para concorrer aos prêmios, é necessário cadastrar os cupons no site sorteioxaxim.cdl-sc.org.br e dúvidas recorrentes acerca da campanha podem ser esclarecidas pelo telefone 3353-2395 ou pelo WhatsApp 99958-1927.

PARA OS COMERCIANTES

Em entrevista ao LÊ NOTÍCIAS, empresários e comerciantes contam que mantêm a esperança de que, em 2018, a economia brasileira volte a crescer. Para Sadi Zatti, proprietário da Somaza Móveis, 2017 foi um ano no qual a crise afetou as vendas. “Nós nos mantemos dentro da expectativa durante todo o ano e apesar da instabilidade econômica, de janeiro para cá tivemos um leve crescimento nas vendas. Fizemos promoções de colchões e cozinhas, sempre buscando parceria com outras empresas para oferecer o melhor preço ao cliente”, relata.

Ainda, Zatti revela que a expectativa de venda para o Natal é grande e que no início de dezembro as vendas foram boas, e assim ele espera que continue. De acordo com ele, os produtos mais procurados na Somaza nessa época de ano são eletrodomésticos, móveis, estofados e cozinhas, que podem variar com a necessidade de cada cliente e ambiente. “Para 2018, eu tenho esperança de que a situação financeira do Brasil seja favorável, porque não está fácil para ninguém. Além disso, há a alta carga tributária, que nos atrapalha muito, sendo que poderíamos pagar melhor nossos funcionários, mas por conta desse motivo, se torna difícil”, finaliza.

Para Iliana Canzi, gerente das Lojas Leve de Xaxim, o ano de 2017 surpreendeu a todos no estabelecimento, visto que crise afetou grande parte do mercado financeiro. Segundo a gerente, a Leve teve boas vendas durante todo o ano superou 2016. “Uma das medidas que tomamos para reverter a situação foi o atendimento diferenciado, porque sabemos que o cliente quando bem atendido, não troca de loja. Além disso, prezamos pela mercadoria de qualidade, por um pagamento facilitado e um prazo mais estendido”, revela.

Ainda, ela comenta que o talvez o Natal de 2017 não seja uma loucura nas compras, mas que atingirá a expectativa. Nessa época, segundo Iliana, toda a área da loja é procurada, nos setores infantil, masculino e feminino, além de cama, mesa e banho. “Os clientes vêm à loja procurando variados tipos de presente, mas geralmente, adquirem a compra para a família e para a casa. No ano que vem, esperamos que economia cresça e não podemos perder a esperança, já que os consumidores estão mais conscientes no gastar”, finaliza a gerente.

Rodrigo Savaris, empresário da Néri Calçados e Confecções e presidente da CDL também relatou sobre o otimismo em relação ao próximo ano. Para ele, os lojistas que organizaram as empresas no período se deram bem, no que se refere às mudanças e adaptações do mercado. “Nas Casas Néri, as vendas estão excelentes, tanto durante esse ano, quanto agora no Natal. Durante o período, houve um aumento de 4% nas vendas e estamos felizes. Para que isso fosse possível, nós inovamos em relação ao marketing, fazendo desfiles e vitrines interativas, a fim de atrair clientes a valorizar o nosso produto, os quais são mercadorias com qualidade e preços baixos”, conta.

De acordo com Savaris, as expectativas para a venda no Natal 2017 e início de 2018 são excelentes, já que na loja há uma venda de Natal de 20% a mais e ele espera que esse número se mantenha em 2018. Os presentes mais procurados nas Néri Calçados e Confecções são para a família e amigo secreto, sendo chinelos, roupas íntimas e roupas de verão, variando entre R$ 50,00 e 100,00.

“Eu acredito que economia continuará crescente. O presidente Temer tem tomado algumas medidas que foram extremamente necessárias e entendemos que são válidas, como a reforma da previdência. Eu acredito também, apesar de ano que vem ser político, a economia vai retomar o crescimento porque ela está mostrando esses sinais”, comenta.

Como presidente da CDL, ele revela que o comércio xaxinense pôde observar o retorno de uma ligação entre prefeitura e CDL. A proximidade valorizou ainda mais a entidade e em todas as ações, eles procuraram valorizar o comércio de Xaxim, buscando trazer novas ferramentas e novos meios de o comércio se mobilizar e crescer. “Nós objetivamos motivar os lojistas a investir e acreditar no potencial do nosso município, o que tem sido muito válido e proveitoso. É claro que temos muito o que melhorar ainda, contudo estamos buscando o caminho da aproximação, do engajamento entre as empresas, a fim de fortalecer a todos”, finaliza.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro