Close Menu

Busque por Palavra Chave

MERCOSUL

Buligon assume cargo internacional e fortalece representação de Chapecó

07/11/2016 15:48 - Atualizado em 07/11/2016 15:49
Buligon esteve no Uruguai também para viabilizar recursos para Chapecó (Foto: Prefeitura de Chapecó) Buligon esteve no Uruguai também para viabilizar recursos para Chapecó (Foto: Prefeitura de Chapecó)

O município de Chapecó foi reconduzido a importante cargo na Diretoria da Representação Brasileira da UPM – União de Parlamentares Sul Americanos e do Mercosul. Após a Assembleia Geral da Instituição, no último sábado (05), em Montevidéu, o prefeito Luciano Buligon recebeu a confirmação que irá presidir a Comissão de Articulação com autoridades locais.

Buligon é o segundo prefeito da história de Chapecó a ocupar o cargo internacional. O primeiro foi o ex-prefeito, José Caramori. “Temos muito potencial para nos destacarmos como um das grandes cidades do Mercosul. Nossa posição geográfica é estratégica e favorável. Vamos dar continuidade ao trabalho de fomentar o desenvolvimento cultural, turístico, econômico, social e político dos municípios integrados”, destacou Buligon.

Na Assembleia no Uruguai também foi confirmada a realização da III edição do Seminário Mercosul Cidadão, no Centro de Cultura e Eventos Plinio Arlindo De Nês, em abril de 2017, fazendo parte das comemorações do Centenário da maior cidade do Oeste. Chapecó sediou todas as edições do evento.

Nesta segunda-feira (07) o ParlaSul (Parlamento do Mercosul) homologou as decisões da UPM. “Chapecó consolida mais uma vez o seu espaço no Mercosul”, complementou Buligon.

Em Montevidéu, o prefeito participou ainda do Fórum de Discussão do Corredor Bioceânico e teve uma longa conversa com o prefeito da capital Uruguaia, Andrés Abt, sobre diferentes experiências das duas cidades.

Articulação de US$ 10 Milhões

O prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, está na capital Uruguaia deste a última quinta-feira (03) participando de audiências com representantes do Brasil no Mercosul. Uma das pautas mais importantes do trabalho em Montevidéu é a liberação de US$ 10 milhões do Focem – Fundo de Convergência Estrutural do Mercosul para a implementação do projeto de Chapecó. O recurso, a fundo perdido, será destinado à continuidade do Contorno Viário Oeste, que ligará a SCT-283 à BR-282, passando pelo bairro Autódromo, linhas Cascavel, Simonetto e Colônia Bacia.

Buligon foi informado que a autorização para licitar o projeto de Chapecó está dependendo apenas do pagamento do Governo Brasileiro, e que o recurso do Brasil já está sendo aportado. “O Governo Federal já está autorizado a pagar os R$ 300 milhões para o nosso Focem. E o primeiro projeto brasileiro a receber os investimentos do Fundo é o de Santa Catarina, o projeto do Município de Chapecó. Vencida essa etapa, nós teremos a garantia e a segurança de que agora, efetivamente, poderemos licitar essa obra”, complementou.


Outras Notícias
Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Governo do Estado - Juntos somos mais fortes
Prefeitura de Palhoça - IPTU
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro