Close Menu

Busque por Palavra Chave

Kassab pisa na Capital de olho em Merisio e Júlio Garcia; Marcondes derruba a Mesa da Alesc e Mauro Mariani no Duas Perguntas

Por: Marcos Schettini
07/03/2018 10:08 - Atualizado em 07/03/2018 10:09

O porco espinho da compra do prédio de R$ 85 milhões

O deputado Mário Marcondes, autor da denúncia de que a Mesa, da qual participava, fez um suposto esquema para comprar um prédio, com direcionamento, para a garantia que a oposição afirma ter comissão escondida, está agora nas mãos de Silvio Dreveck que, então presidente da Casa, tem em baixo dos braços um problema enorme para explicar, nos próximos cinco dias, portanto na próxima terça-feira, as provas e razões para a comercialização desta aquisição que, em aluguel, daria para garantir 48 anos, seguidos, sem que este custo tivesse imediata descapitalização do Legislativo. Dinheiro que, argumenta, seria de grande utilidade para os hospitais filantrópicos do Estado. O juiz Luis Fernando Delpizzo Miranda asfixiou a Casa.


As prévias não avançaram no partido e Udo Döhler entra na disputa. Ele joga contra as diretrizes do partido?

Decidi abrir as prévias para dar uma segurança àqueles que precisassem renunciar. Agora aqueles que quiserem ser candidato pelo MDB terão de disputar a convenção. Meu nome estará lá.Estou preparado para ser o candidato e enfrentar os desafios. Viajei por todo o Estado ano passado, ouvindo a base partidária, mas principalmente ouvindo os anseios da sociedade catarinense.

Eduardo Pinho Moreira tem afirmado que o candidato dele a governador é Mauro Mariani. Por que não faz ações em favor desta candidatura ao seu lado?

Eu e o Eduardo estamos afinados. Tenho conversando com ele frequentemente. Ele já declarou apoio à minha pré-candidatura e agora me resta acreditar e continuar trabalhando forte.



Articulação

Se a posição de intervir no PSD para alinhar com o projeto nacional é um argumento forte para puxar o tapete de Gelson Merisio e partidos aliados, então a presença de Gilberto Kassab hoje em Florianópolis é a cereja do bolo.

Argumento

Qual seria a voz que o ministro das Comunicações teria para intervir no PSD de SC se o partido, coligado com mais de 10 partidos, quer o governo em 2019? Fechar um partido que tem ampla coligação e fazer politica inteligente?

Atrás

Longe dos olhos curiosos, Gilberto Kassab vai fazer um olho no olho com os que desejam derrubar a coligação liderada por Merisio e, também, com o presidente do PSD de SC que vai mostrar os rumos que, para ele, são vitoriosos.

Presença

Júlio Garcia é do estilo simpatia para imprimir a aceitação de seu projeto de construir um caminho de coligação com o MDB. Para isso, precisa de uma intervenção de Kassab para fazer valer o traçado. Vai estar com o ministro na Capital.

Convencimento

O ex-conselheiro do Tribunal de Contas sabe que, se não for através da força de intervenção, o PSD não vai com o MDB em 2018. Sabe das movimentações de Merisio e seu poder de fogo junto aos partidos. Kassab é um colírio cobiçado.

Esqueça

Raimundo Colombo não vai movimentar para que seu parceiro de partido intervenha no PSD para costurar a Tríplice desejada por Júlio Garcia. Se ocorrer um fato deste, pode ter um efeito perigoso para seu sonho ao Senado.

Campanha

Celso e Rose Maldaner são os anfitriões do governador Eduardo Moreira e do presidente da Celesc Cleverson Siewert em Maravilha. Inauguram a subestação da Celesc que vai resolver, com R$ 11 milhões de investimentos, o problema de energia.

Motivado

Deputado Narcizo Parisotto esteve presente com Everton Ribeirto, seu chefe de gabinete e aposta para vereador de Florianópolis em 2020, na grande reunião dos presidentes dos dez partidos que alinham com Merisio 2018. E está firme na vitória.

Abertura

Udo Döhler está agendando uma série de visitas que fará ao empresariado de Chapecó logo após sua baixa na Prefeitura de Joinville. O empresário quer olhar o PIB de Chapecó e Oeste para dizer o que quer e porque quer ser governador.

Dúvida

Enquanto Pinho Moreira não afirma abertamente sua direção rumo à reeleição, os vereadores dos municípios do Norte, presentes na capital, já afirmavam que, se ele não for, vão fazer um chamamento para que Udo assuma a posição.

Achou

Mauro Mariani foi a Curitiba ver um projeto firme e forte de tecnologia que pode ser aplicada na Educação, com divertimento e pedagogia, aos alunos da rede pública. Viu de perto o efeito positivo da realidade virtual no ensino rápido e limpo.

Rumo

Até agora, dos nomes que estão debatendo o processo eleitoral de 2018, Mariani é o único que foi a Pernambuco, por exemplo, ver funcionamento de outras vias de assimilação de conhecimento. Entendeu que cidadania é educação forte.



Palhoça Você em Dia - Mobile
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro