Close Menu

Busque por Palavra Chave

Megaoperação cumpre mandados de reintegração de posse em Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
10/04/2018 12:03 - Atualizado em 10/04/2018 12:04
Forte efetivo policial esteve presente na operação realizada nesta terça-feira (10) - Foto: Divulgação/LÊ Forte efetivo policial esteve presente na operação realizada nesta terça-feira (10) - Foto: Divulgação/LÊ

Uma megaoperação policial aconteceu na manhã desta terça-feira (10) no Loteamento Expoente, em Chapecó. No ato, cerca de 120 policiais cumpriram 38 mandados de reintegração de posse, integrando a Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Saer/Fron, Poder Judiciário, Choque, Canil, Cavalaria, Samu e Corpo de Bombeiros.

Conforme nota divulgada pela Caixa Econômica Federal, que ingressou com o pedido de reintegração, os imóveis foram ocupados irregularmente por famílias, outros foram vendidos contra as normas do programa Minha Casa Minha Vida e até mesmo invadidos por criminosos. “Por não ter havido entrega de consensual, houve a necessidade de expedição dos respectivos mandados judiciais de reintegração. Após a efetiva reintegração, as moradias serão direcionadas aos beneficiários selecionados pela prefeitura local, de acordo com regras do programa Minha Casa Minha Vida”, disse a CEF, através de nota.

De acordo com o comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Ricardo Alves da Silva, não houve resistência por parte dos moradores, no momento da ação. “Nós acreditamos que os moradores não devem resistir a nossa ação e não estão resistindo até o momento. Algumas moradias já foram desocupadas e estamos chaveando e entregando à Caixa Econômica Federal”, disse Ricardo.

O tenente-coronel explica que houve dificuldade na ação, pois no loteamento residem centenas de famílias regulares. “Essa é a primeira operação urbana feita pela Polícia Militar. Nós fazíamos várias reintegrações na área rural, então por se tratar por uma operação na área urbana, é uma ação seletiva. Temos que ter um cuidado todo especial, porque muitos moradores desse empreendimento são moradores regulares e dentre eles existem os irregulares”, explicou ao portal Clic RDC.

As residências foram esvaziadas e caminhões de mudanças, contratados pela Caixa Econômica, carregaram os móveis e levaram até um pavilhão do parque da Efapi, onde ficará disposição das famílias em um prazo de 30 dias.


Com informações do portal ClicRDC.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro