Close Menu

Busque por Palavra Chave

Editorial | O medo de ter consciência

Por: LÊ NOTÍCIAS
11/04/2018 10:46

As atitudes de membros do chamado MBL que foram provocar Ciro Gomes de modo desrespeitoso, utilizando da boa fé dele para que desse a atenção merecida quando esta é solicitada, gerou um vídeo de provocação que não se vê na vida normal.

Não é somente com Ciro, mas com qualquer senador do PT, por exemplo que, pedindo uma solicitação de vídeo, usam para escrachar a liderança em favor de um lunático e violento candidato do ódio que se instalou nas mentes mais inocentes.

Este tipo de atitude covarde e patológica mostra que o país está, sim, entregue à palhaçada dos insatisfeitos com a democracia e o período eleitoral. Chega-se à vergonhosa posição de, entre amigos e pessoas de confiança, se tratarem estranhamente devido a este tipo de sacanagem e violenta ação da chamada direita doentia.

O presidenciável Ciro Gomes é o herdeiro natural dos votos de Lula da Silva que, em tese, deverá ser o representante das esquerdas que desejam voltar ao poder. Antes era Lula. Como agora está preso, agora seria a vez de Ciro para impedir e provocar nele a reação que agora toma conta dos vídeos nacionais.

Querem tirar sua tranquilidade, sua capacidade de raciocínio, para evitar que ele seja o nome das esquerdas e, quem sabe, ganhar a eleição.

O vídeo com um membro do MBL pedindo a atenção de Ciro e falando inverdades e o nome do candidato da extrema-direita, é provocativo e, na busca de uma atitude de reação do candidato do PDT, querendo que ele revidasse para fazer o vídeo acontecer, foi de fato mais um mecanismo barato para tirar outro nome que possa vencer as eleições.

Isso é o final do Brasil.


Palhoça Você em Dia - Mobile
Covidômetro - Florianópolis - Julho
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro