Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

Na Essência | É preciso escrever sobre Cezar Fonini!

Por: Júnior Chisté
09/05/2018 07:53

Me dou o direito de não escrever sobre sua pena que cumpre, até porque não sou jurista. Vou escrever o que milhares de xaxinenses neste instante estão sentindo com relação à prisão do médico Cezar Fonini.

Este se notabilizou no município de Xaxim por atender a qualquer hora a qualquer família. Mesmo quando já fora impedido pela Justiça Eleitoral de disputar qualquer cargo público, continuo tendo as mesmas ações, os mesmos comportamentos, ou seja, não pedia se a pessoa iria ter dinheiro para pagá-lo!

Fonini trabalhava como poucos médicos. Atendia muitos todos os dias! Evidente que o setor da saúde pública de Xaxim vai sentir com a prisão deste médico. Sei que ele possui inimigos pessoais, políticos e que muitos estão vibrando com o seu cárcere. Mas também sei que enquanto há neste instante uma pessoa feliz com sua prisão, posso apostar que há vinte pensando em todas as vezes que necessitou de atendimento e este jamais disse "não".

Fonini errou? Acredito que sim, pelo menos a Justiça em praticamente todas as esferas pelo que sei comprovou isso. Mas biblicamente nos recordamos "que atire a primeira pedra quem não errou?" É fácil escrevermos nas redes sociais palavras de ódio, de rancor. O ser humano infelizmente é assim. Lembra-se mais do fato negativo do que de todos os fatos positivos, mesmo que vivamos em uma sociedade onde o correto é algo a ser tido como premissa e não como louro.

Noto sim, uma profunda consternação por uma grande parte da população pois este médico proporcionou a luz a muitos do que estão lendo esta minha coluna de hoje. Até salvou a vida de muitas pessoas que estão lendo esta coluna de hoje. Especialmente em seu primeiro mandato foi um grande prefeito. Na última vez em que disputou uma eleição, perdeu por apenas 240 votos e lutou contra tudo e contra todos. É um gigante!

Sim, errou e como qualquer um de nós, estamos propensos ao erro. Mas também não podemos apedrejar. Enchermos as duas mãos e atirarmos pedras à esmo. Repito: quem não errou ou não está propenso ao erro? Será que uma pessoa que errou merece apagar todos os feitos ótimos que cometeu? Sejamos inteligentes o suficiente para na balança da vida, pesarmos nossos egos, pois há muitas pessoas vibrando por aí que só não estão neste mesmo lugar (cadeia), pois são espertos demais e esses, podem apostar, não tem uma vida de bons feitos assim e que cedo ou tarde quando suas horas chegarem, quiçá suas famílias sentirão algo.

Fonini, vivemos sob a tutela da Justiça, felizmente temos que confiar nela. Não sabemos até quando será sua estada neste local. Mas enquanto estiveres aí, lembre-se de quantos sorrisos proporcionou às famílias de Xaxim, pois enquanto você colocava choro de bebês no mundo, lágrimas em famílias rolavam em faces, enquanto que com suas hábeis mãos, procedimentos muito bem executados eram realizados, esperança de uma vida melhor você dava.

Cezar Fonini, o médico dos pobres, se Chapecó tem o seu “gigante”, Xaxim, pode ter certeza, possui o seu também.

Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro