Close Menu

Busque por Palavra Chave

Magnólia Festival reúne artistas de expressão nacional em duas noites de música em Chapecó

Por: LÊ NOTÍCIAS
15/05/2018 13:29 - Atualizado em 15/05/2018 13:32

Nos dias 18 e 19 de maio, Chapecó receberá pela primeira vez o Magnólia Festival, no qual traz duas grandes bandas da nova música popular brasileira: Carne Doce, de Goiânia (GO) e Selvagens à Procura de Lei, de Fortaleza (CE). Além disso, a curitibana Subburbia e as chapecoenses John Filme, Carlota Joaquina e Amanda Cadore fecham a conta da primeira edição do festival, o qual acontece no Cubo Espaço Multicultural.

A primeira noite, na sexta-feira (18), será marcada pela liderança feminina, representadas nas figuras de Salma Jô (Carne Doce), Marina Penny (Subburbia) e Amanda Cadore. Além da diversidade de gêneros musicais, já que as três bandas transitam, entre rock, nova MPB, folk e música eletrônica. Na noite do sábado (19), haverá a interação entre o rock cearense e o sulista, através de Selvagens à Procura de Lei, Carlota Joaquina e John Filme.

Um dos objetivos do evento é promover a interação de bandas da região do Oeste catarinense, com o restante do Brasil. "Hoje tem uma cena e uma troca acontecendo em várias cidades brasileiras. A nossa ideia é incluir Chapecó neste roteiro. Trazer bandas para cá, mas também mostrar as nossas. Para que elas possam crescer e circular em outras regiões", complementa Flavio Testa, um dos produtores do festival.

O ingresso para as duas noites custam R$ 30,00 e podem ser adquiridos em bit.ly/magnoliafest. O festival é organizado pela Ventura Sounds e Casa Magnólia, que já trouxeram para Chapecó shows de bandas como HEAVY BAILE, do Rio de Janeiro, Colleen Green, de Los Angeles (EUA), Supervão, de Porto Alegre (RS), Frabin, de Florianópolis (SC), entre tantas outras da região. A agenda ainda continua em junho e julho de 2018, com shows já confirmados de BIKE, de São Paulo e Lê Almeida, do Rio de Janeiro.

Os ingressos podem ser adquiridos na Casanova Barbearia, Chilli Beans do Brasão Avenida e online através do site: http://bit.ly/magnoliafest


AS ATRAÇÕES

Selvagens à Procura de Lei: O Selvagens à Procura de Lei foi formado em 2009 em Fortaleza (CE) e toca rock com bastante influência da música nacional dos anos 80, de bandas como Legião Urbana; e do rock indie dos anos 2000, como The Strokes e Arctic Monkeys. Formada por Rafael Martins (vocal e guitarra), Gabriel Aragão (vocal, guitarra e teclado), Caio Evangelista (vocal e baixo) e Nicholas Magalhães (vocal e guitarra), a Selvagens lançou três EPs no início da carreira: “Talvez eu Seja Mesmo Calado, mas Eu sei Exatamente o que eu Quero”, de 2010; “Suas Mentiras Modernas”, também de 2010; e “Lado C”, de 2011. Depois dos EPs, investiu esforços para gravar álbuns de estúdio, e, até o momento, foram lançados três. O primeiro deles é “Aprendendo a Mentir”, de 2011; seguido pelo homônimo “Selvagens à Procura de Lei”, de 2013; e o mais recente, “Praieiro”, de 2016. O single “Tarde Livre”, pertencente ao último álbum, foi eleito como o melhor de 2016 pelos leitores da revista Rolling Stone Brasil, o que lhe rendeu visibilidade nacional. Em 2017, se dedicou à turnê de “Praieiro”, com mais de cem shows em todo o país, além do primeiro em Buenos Aires, na Argentina, na ocasião, gravaram o videoclipe da música “Gostar Só Dela”, recém-lançada. Em março de 2018, a banda se apresentou pela segunda vez no festival Lollapalooza Brasil. A primeira vez aconteceu em 2014, quando a bando abriu o show do Red Hot Chili Peppers.

Carne Doce: Fundada em Goiânia (GO) em 2013, Carne Doce é uma das mais importantes bandas da nova safra do rock alternativo. A ótima avaliação do primeiro disco homônimo, que ocupou várias listas em 2014, foi ampliada em "Princesa", um dos mais elogiados lançamentos brasileiros de 2016. Com apoio da Natura Musical, a banda lançará seu terceiro disco em 2018.

Subburbia: Witch, eletrônico, indie, rap-rock e noise pop são alguns dos termos usados para definir o som do Subburbia. O duo curitibano faz tudo isso e um pouco mais na essência de uma sonoridade híbrida e atual. Com atitude e personalidade marcante, o Subburbia já adquiriu um "cult following" dentro do indie, incluindo o público mais descolado de Chapecó, onde a banda marca sua terceira passagem em menos de um ano. A volta do duo Marina e Emil acontece na esteira da mixtape-álbum LUV EXORCISM, lançado em dezembro de 2017, pelo coletivo Terry Crew, que é capitaneado pelo próprio Subburbia.

John Filme:
John Filme é um duo em atividade desde 2011, com 2 LPs e 3 EPs lançados de forma independente. Desde 2016, foram 3 EPs e um álbum cheio, mostrando que a banda vive sua fase mais prolífica e madura, em termos de produção. Em 2017, o grupo ampliou sua base e reputação, principalmente dentro da cena stoner do sul-sudeste, onde passaram por festivais e shows em SP, Curitiba e Florianópolis, tendo participado do festival organizado pela Infrasound Records, e do Locomotiva Sessions. Ficaram em 22 lugar, entre os 50 melhores álbuns de 2017, no site 505 Indie, com o álbum Fohn Jilme. Em 2018, lançam o EP Caleb, onde nota-se uma guinada para o power pop.

Carlota Joaquina: A banda do oeste catarinense Carlota Joaquina tem 10 anos de carreira, traz em sua bagagem o álbum de estreia ‘Vou te Roubar, um DVD ao Vivo e o lançamento do seu último disco, o EP “De Volta ao Início". Atualmente a banda divulga a faixa “Talvez, Sim”, a primeira música do último álbum a receber uma produção audiovisual e o primeiro videoclipe lançado pela banda depois de seu retorno. A Carlota Joaquina é de Chapecó, Santa Catarina. Formada pelo trio Eduardo, Ricardo e João, que decidiram o clipe ser o melhor caminho para ilustrar seu disco.

Amanda Cadore: Dona de uma voz marcante, a artista Amanda Cadore atualmente dedica-se ao seu projeto solo e autoral, baseado em um folk agridoce carregado de sensibilidade melódica e lírica. Uma das apostas do alternativo chapecoense.


Outras Notícias
Covidômetro - Florianópolis
IPTU São José - 2021
Governo do Estado - Juntos somos mais fortes
Prefeitura de Palhoça - IPTU
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro