Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

Marema: uma terra gigante no agronegócio

Por: LÊ NOTÍCIAS
22/05/2018 10:10
Prefeito Adilson Barella organiza grande festa para comemorar os 30 anos de Marema (Foto: Prefeitura de Marema) Prefeito Adilson Barella organiza grande festa para comemorar os 30 anos de Marema (Foto: Prefeitura de Marema)

O município de Marema tem se destacado na região Oeste Catarinense pelo grande incentivo ao desenvolvimento do agronegócio. Com pouco mais de dois mil habitantes e 370 estabelecimentos rurais, o município é referência na produção de suínos, aves e a bovinocultura de corte e leite. Junto com demais atividades, o setor agropecuário representa mais de 90% da economia local.

Com orgulho, o prefeito Adilson Barella, revela que os últimos dados de movimento econômico apresentaram os seguintes números: A produção de suínos representa 39,24% da economia, com movimento anual de aproximadamente R$ 43 milhões; a produção de frangos representa 30,43% da economia, com movimento anual superior aos R$ 33 milhões; e a produção de leite, que alcança 12,11% do movimento econômico local, com cifras anuais superiores aos R$ 13 milhões.

Em Marema, o rebanho bovino é composto por 17 mil cabeças, que produzem anualmente mais de 19 milhões de litros de leite. Para beneficiar os produtores, melhorar a genética do plantel e aumentar a qualidade e produção do leite, a Prefeitura investe na genética bovina, com doação de sêmen aos produtores de gado de corte e leite – na última doação de sêmen (em março), foram investidos quase R$ 60 mil.

Para contemplar todos os números que formam a cadeia do agronegócio e também pensando no capital humano – fundamental, na avaliação do prefeito Adilson Barella, é que o Governo Municipal, resolveu promover a 1ª Festa da Polenta e a Mostra da Bezerra. Serão quatro dias de programação, de 08 a 11 de junho, nos arredores da praça central, com exposições empresariais, atrações infantis e acesso totalmente gratuito.

Sobre todos os bons números que colocam Marema em posição de destaque, nós conversamos com o prefeito. Confira a entrevista:


Em contrapartida aos importantes números que colocam Marema em destaque no agronegócio, quais ações são fundamentais?

Barella: Não medimos esforços para desenvolver e incentivar às mais diversas atividades. Nossa preocupação é com a qualidade de vida do produtor, a manutenção das famílias no campo e a sucessão familiar. Por isso, trabalhamos atentos, ouvindo as demandas da comunidade, fazendo a prestação de contas e desenvolvendo políticas públicas em conjunto, como na construção do plano plurianual. Hoje, a Prefeitura trabalha com importantes programas, com a disponibilização de serviços de máquinas; contínuos trabalhos de recuperação e melhorias de estradas; uma agressiva contribuição para a produção de silagem. Para ter uma ideia, somente nos últimos meses, a prefeitura viabilizou, através de profissionais e de nove tratores, a produção de quase 30 mil toneladas de silagem, seguido do plantio.

Qual o relatório do desenvolvimento das outras áreas?

Barella: Desde o início da nossa Gestão estamos preocupados em desenvolver grandes ações para promover o agronegócio. Mesmo assim, não esquecemos das demais áreas. Prova disso são os investimentos em saúde, que chegam a 18% (quando o exigido seria de 15%); e em educação, aplicamos 28% da nossa receita (onde o percentual seria de 25%). Também não abandonamos a cultura, onde promovemos oficinais gratuitas de ballet, patinação, violão, sopro, fanfarra e karatê; e a área social, com intensas ações junto ao Cras (Centro de Referência de Assistência Social) e com crianças no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). O mesmo ocorre com o esporte, que é amplamente incentivado, com a realização de várias modalidades, bem como as atividades com idosos – que recebem todo incentivo possível.

Na área da educação, o que o senhor pode citar?

Barella: Na rede pública municipal, entre o Núcleo Escolar (1ª a 5ª série) e o Ceim (Centro de Educação Infantil Municipal), são 150 alunos. Todos receberam materiais didáticos da editora Name. Apostilas, livros e cadernos da mais alta qualidade, escolhidos em consenso pelos professores e de acordo com o Plano Nacional de Educação (PNE). Itens, do mesmo nível aos usados por escolas particulares. Não economizamos quando se tratar em oferecer a melhor educação.

Marema tem ações diferenciadas na saúde. O que o senhor pode citar sobre os investimentos?

Barella: Nos orgulhamos em trabalhar para zerar filas. Recentemente encaminhamos o quinto mutirão de cirurgias em menos de um ano, sendo o quarto com recursos próprios do município. No ano passado, a Secretaria Municipal de Saúde encaminhou pacientes para cirurgias de hérnia, vesícula e catarata. Nesse ano, já foi realizado o mutirão de cirurgias de varizes, e agora esse de ortopedia (joelhos e ombros). Avaliamos isso como um grande passo para a saúde e a qualidade de vida da população. Além disso, firmamos convênio com o Hospital Frei Bruno e implantamos um grande avanço na saúde bucal, com a realização dos tratamentos de canal, que antes não eram realizados na rede pública.

Como estão os trabalhos de infraestrutura?

Barella: Os serviços nesse segmento não param, sejam ações no interior ou na cidade. Temos um constante cronograma para manter a qualidade das estradas nas oito comunidades que formam nosso interior. É nossa obrigação e meta, atender da melhor forma nossos empresários rurais, com equipes de profissionais e máquinas. Para a área urbana, apesar da negativa dos vereadores em aprovar o Projeto Avançar Cidades (que previa a pavimentação de todas as ruas a cidade), seguimos com nossos trabalhos em busca de recursos e já licitamos a pavimentação asfáltica para três quadras, com emenda do deputado federal Valdir Colatto, no valor de R$ 250 mil. Também temos garantida a construção de calçamento na via de saída para a comunidade de Treze de Maio.

A prefeitura está renovando a frota de veículos e maquinários?

Barella: Já licitamos a compra de um novo trator de esteira, com investimento de R$ 540 mil. Essa aquisição foi decisão dos munícipes ainda em 2017, quando realizamos audiências públicas em todas as comunidades, porque avaliamos que ouvir as demandas da população, é fundamenta. Também investimos R$ 300 mil, com verbas do senador Dário Berger (R$ 100 mil) e do deputado Celso Maldaner (R$ 200 mil), para compra de um trator de pneus, duas ensiladeiras; uma plantadeira; um distribuidor de cama de aviário; e uma carreta basculante. Além dos veículos adquiridos em 2017, já estamos investindo em novos automóveis para a saúde e para os próximos meses, estamos em busca de outros carros e maquinários. Ou seja, nosso trabalho segue em todos os departamentos


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro