Close Menu

Busque por Palavra Chave

Editorial | O relacionamento entre o erro e a mentira

Por: LÊ NOTÍCIAS
11/07/2018 10:52

O juiz Sérgio Moro ganhou fama por abraçar uma causa que está no coração de todos os seres humanos que, em particular no Brasil, precisa de fato ser passado a limpo. O que seria limpar o Brasil? Colocar todos os corruptos na cadeia. A frase de efeito mais pobre que os coxinhas do impeachment de Dilma mais propagaram.

O meritíssimo até tem um canal que lhe dá garantias de fazer o que ele chama de limpeza geral na vida pública, mas está longe de ter a seriedade que busca imprimir.

Conhecedor profundo do que ele afirma ter em relação às leis, julga à metade do que de fato deveria. Não tem os predicados da imparcialidade que seu trabalho exige e, por ser um quadro que possui amizades com lideranças tucanas, em Maringá (PR), tem dificuldade de agir contra eles.

Sua demonstrada amizade construída com o senador Aécio Neves, um dos maiores corruptos do Brasil e o rei deste repertório em MG, pego em flagrante com pedido de propina, ele não tece qualquer comentário, claro que vai alegar que não é de sua alçada.

O paranaense é um quadro do judiciário que precisa ser investigado por sua imparcialidade que, conhecida, afeta apenas os partidos de esquerda, cujas ideologias, o magistrado odeia.

Apenas pelo fato de não gostar, não dá a ele o direito de ser o protagonista de uma série de atitudes suspeitas que por em xeque sua idoneidade. Ele, neste episódio de solta-prende Lula da Silva, foi espetacularmente hollywoodiano mais exagerado que em outras vezes.

Não é um juiz apenas, mas um ator, um personal, que gosta de ter a atenção merecida e ser o ator principal de um momento, não interessante qual seja. Se ele não gosta do ex-presidente, seja por que motivo for, não dá a ele o direito de ser, apenas El Carrasco. O seu papel deveria ser muito mais discreto e suas decisões aparecerem mais do que ele. Da maneira como tem se demonstrado, nem Deus pode com ele.


Palhoça Você em Dia - Mobile
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro