Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma

ECONOMIA MILIONÁRIA

Reorganização administrativa criará cargos e reduzirá gastos em Chapecó

Projeto de Buligon foi encaminhado à Câmara de Vereadores, que apreciará o texto
Por: LÊ NOTÍCIAS
29/11/2016 10:33
Prefeito Buligon assinou projeto, que poderá ser aprovado e implantado em Chapecó (Foto: Vanessa Hubner/Prefeitura de Chapecó) Prefeito Buligon assinou projeto, que poderá ser aprovado e implantado em Chapecó (Foto: Vanessa Hubner/Prefeitura de Chapecó)

Chapecó - O prefeito Luciano Buligon assinou e enviou nesta sexta-feira (25) à Câmara de Vereadores o projeto de lei que trata da Reorganização Administrativa da Prefeitura de Chapecó. A proposta visa, prioritariamente, enxugar a máquina e economizar R$ 30 milhões em folha de pagamento. “Vamos reduzir em 35% o número de cargos comissionados, ampliando os serviços e as ações de enfrentamento da crise. Queremos construir o próximo Centenário de Chapecó focados em bons investimentos e grandes conquistas”, relatou.

A reorganização apresenta novidades na Estrutura Administrativa para modernizar a gestão, maximizar os serviços, reduzir os custos e fomentar a nova matriz econômica do Centenário, focada na Tecnologia, Inovação e Ciência. São destaques da nova estrutura, os cargos de diretor geral de Modernização Administrativa – que dará andamento às Parcerias Público-Privadas (PPP’s); diretor de Regularização Fundiária; diretor de Mobilidade Urbana; gerente de Tecnologia, Inovação e Ciência, ligado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, que focará em ações de fomento a nova matriz econômica do Centenário; gerente de Políticas Públicas para as Pessoas com Deficiência e Mulheres; superintendente de Infraestrutura Rural, da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, que estará diretamente vinculado ao Conselho de Desenvolvimento Rural para definir e executar as prioridades dos agricultores.

GESTÃO PARTICIPATIVA

O Programa Ouvindo Nosso Bairro, que levou a equipe de Governo a todos os bairros e comunidades do interior de Chapecó para ouvir os moradores, também contribuiu para reorganizar a estrutura administrativa. A decisão por extinguir algumas Superintendências Regionais e manter apenas a Superintendência do bairro Efapi é resultado desse diálogo com as comunidades. “Na Efapi, os moradores pediram para que a Superintendência permanecesse e nós atendemos. Nas regiões do Bormann, Belvedere, São Pedro e Passo dos Fortes entendemos que as Superintendências não eram a prioridade das famílias, por isso vamos extinguir, sem comprometer os serviços”, explicou o prefeito.

Buligon acrescentou, ainda, que muito além do organograma da Estrutura da Administrativa “dar voz às pessoas, com o diálogo aberto e conversa direta” continuará sendo a razão do seu Governo. “A população irá perceber que a cartilha dos 100 anos de Chapecó carrega a marca do planejamento e a vontade política de contemplar os mecanismos de participação popular. O próximo Centenário da Capital do Oeste será construído a muitas mãos”, concluiu Buligon.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro