Close Menu

Busque por Palavra Chave

Na Essência | Interpretação!

Por: Júnior Chisté
20/08/2018 10:16

Ela uma jovem como milhões de tantas outras, linda, um futuro promissor, ao lado de seu namorado também de tributos de que qualquer mulher seria chamada a atenção, resolvem numa manhã pegar a estrada e saírem para viajar. Que momento seria aquele não? Praias, areia, mar, curtição a dois, enfim tudo o que dois grandes apaixonados teriam direito para sentir e viver em alguns dias.

Eis que subitamente tudo se escurece, ouve-se um estrondo, um forte deslocamento do carro em que estão e a jovem quando é desperta muitas horas depois, como se acordada de um sonho, ou melhor de um pesadelo, se encontra rodeada de médicos e familiares. Logo, conscientemente e totalmente imobilizada começa a fazer inúmeros questionamentos "como vim parar aqui?", "e meu namorado?", "quando sairei daqui?", "vou viajar ainda?", "e essa dor, quando cessará?".

De tantas perguntas, ninguém sabia qual responder primeiro. Todos estavam se olhando muito preocupados. Havia algo que ela ainda não reparou, algo que a partir daquele instante mudaria sua vida para sempre e ela precisava aceitar, mas os médicos e principalmente seus familiares, pai e mãe, não sabiam como ela reagiria.

Essa jovem de apenas 22 anos, no acidente de carro, acabara de ter de amputar a sua perna esquerda. Ficou presa às ferragens e devido à gravidade do choque entre os dois carros, pois como saíram cedo para a viagem, encontraram e a vida quis que uma jovem dirigindo seu carro, saindo de uma dessas baladas da vida, totalmente embriagada, batesse em alta velocidade no carro do jovem casal.

Quando foi informada sobre o que ocorreu e o que aconteceu, para surpresa de todos, ela reunindo todas as suas forças e mostrando-se resiliente disse "pelo menos eu estou viva e isso é o que conta".

Este fato aconteceu no estado de Minas Gerais em dezembro de 2014, o nome dela é Paola Antonini. O que ela fez após isso? O que toda pessoa resiliente faz com um sofrimento. Transforma limões em saudáveis sucos (sem açúcar) e beba somente gelado com água. Hoje Paola é modelo, palestrante e viaja o país afora, muitas vezes sozinha para desfilar e muitas vezes mostrando-se até em desfiles moda-praia.

É a interpretação que damos diante dos percalços que a vida nos impõe. Ficamos enjaulados devido ao que nos ocorre, ao que a vida nos "amputa". Logo novas pessoas, novos amigos nos apresentarão para outras pessoas e a vida vai seguir seu rumo ao natural.

Quem não enxerga a vida dessa maneira é porque não observa a vida do jeito que ela verdadeiramente tem se mostrado todos os dias para nós. Mesmo que haverá dias modorrentos, dentro de ti haverá sempre um sol radiante à brilhar, pois você certamente continuará sendo o sol de alguém e também o seu próprio sol.

Mesmo que haverá pessoas que jamais, por toda a vida, esquecerão de você, é preciso que você conheça efetivamente o que realmente lhe faz bem e toque o céu, pois não sabemos "quando sairemos para as férias e encontraremos alguém embriagado ao volante, que tentará tirar nossos sonhos".

Lute, persista, só você sente o que sente!


Alesc - Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro