Close Menu

Busque por Palavra Chave

Vereador Inácio explana sobre a instituição do Banco Ortopédico em Xaxim

Câmara de Vereadores de Xaxim O vereador utilizou a tribuna na reunião desta terça-feira (18), na Câmara de Vereadores de Xaxim O vereador utilizou a tribuna na reunião desta terça-feira (18), na Câmara de Vereadores de Xaxim

Na reunião desta terça-feira (11), do Poder Legislativo Xaxinense, o vereador do PSD, Inácio Luiz Bracht usou o espaço da tribuna para falar sobre a instituição do Banco Ortopédico Municipal, que após aprovação de Projeto que tramita na Câmara, ficará regulamentado o empréstimo de cadeiras de rodas para banho e normais, muletas, andadores, tipoias, próteses oculares ou auditivas, e camas hospitalares, entre outros materiais para todos que necessitarem.

Segundo o vereador, que visita mensalmente os acamados do município, um total de 97 pessoas, entre jovens e adultos, muitas vezes quem mais sofre na família, que cuidam do acamado, pois é preciso força para erguer a pessoa, trocar fralda, roupa, dar banho e sem os materiais ortopédicos, as tarefas se tornam ainda mais difíceis. Portanto, Inácio comenta que a criação e regulamentação do Banco Ortopédico, para aquisição e empréstimo a pessoas acamadas vem aliviar o sofrimento de ambas as partes, e principalmente possibilitar que outras pessoas possam, quando necessitarem, usufruir dos materiais, após a devolução.

Bracht destacou o trabalho realizado pelo Rotary Club e Lions Clube, que também fazem o empréstimo desses materiais, porém, mesmo assim, não é suficiente para atender à demanda dos acamados do município. Além da necessidade desses materiais, as pessoas doentes também precisam de fraldas. A Secretaria fornece mensalmente 32 fraldas, que às vezes, só são suficientes para cinco ou seis dias, no entanto, há muitas famílias que não têm condições de adquirir e precisam de ajuda.

Conforme relatou o vereador, o prefeito Lirio Dagort e vice-prefeito Adriano Bortolanza fizeram a doação particular, de material para confecção de fraldas para a Apae de Xaxim, para posterior doação aos que precisam. A confecção das fraldas, é feita, em sua maioria, por voluntários na parte da noite, inclusive por voluntários da Aurora Alimentos, que prestam esse serviço duas vezes na semana, mas, não é suficiente. Por isso, é necessário que as pessoas que queiram ajudar, entrem em contato com a direção da Apae.

CASA DE JOÃO FORTES

O morador xaxinense João Fortes teve a casa consumida pelo fogo há alguns meses. Uma mobilização da comunidade foi necessária e essencial para que ele ganhasse nova moradia. Muitas doações e ajudas foram recebidas, inclusive o vereador parabenizou a todos o que ajudaram, mas, principalmente o empresário xaxinense, Fabio Gnoato que mobilizou toda a construção.

Buscando uma maneira para que o Poder Público possa contribuir de alguma forma, o vereador averiguou que a Lei 4.053/2015, que prevê auxilio neste tipo de situação, destinava apenas dois salários a essas pessoas, porém, para quem perde tudo em um incêndio, por exemplo, esse valor é irrisório.

Visando auxiliar de forma mais considerável, está tramitando na Casa de Leis, e deverá ser votado em breve, uma alteração nesta lei, para que o auxílio prestado pelo Governo Municipal passe de dois, para seis salários mínimos. “Não é a solução, contudo é uma forma de ajuda mais relevante para quem sofre com algum sinistro”, finalizou Bracht.


Outras Notícias
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro