Close Menu

Busque por Palavra Chave

Li, Vi e Ouvi | Falta de apoio político, Capes e tráfico humano

Por: João Lamarque de Almeida
01/10/2018 09:45 - Atualizado em 01/07/2020 11:07

Falta de apoio dos governos

Os atendimentos, assistência e a defesa de direitos têm sido garantidos por organizações da sociedade civil, pessoas que doam e igrejas que atuam em rede e são comprometidas com a causa. Contudo, falta apoio dos governos. Possuir um plano emergencial de acolhida, redes de organizações, criar políticas públicas específicas e que promovam uma melhor integração social, são mesmo de um país em crise, ações imprescindíveis para garantir o cumprimento doa acordos internacionais de acolhida aos migrantes. Isso é, ser humano, é ser promotor da vida e ser cidadão.

Alívio do Capes

Depois de apreensão, de mobilização e de protestos, os bolsistas puderam sentir-se aliviados, através da Lei de Diretrizes Orçamentárias do governo federal, poupando a Capes de cortes. A pesquisa, ao que tudo indica, vai prosseguir em 2019. O susto serviu, no entanto, para chamar a atenção sobre o que fazem os bolsistas sobre a ignorância da população em geral a esse respeito.

Tráfico de gente

O Relatório Global sobre Tráfico de Pessoas das Nações Unidas concluiu que 71% das vítimas do tráfico internacional são mulheres e meninas, sendo que 28% são crianças em regiões como América Central e Caribe. O objetivo da tese centra-se na proposição de normativas constitucionais e políticas públicas entre os países na América do Sul.

Pensamento

Pense sempre que a arte do viver é morrer jovem, o mais tarde que puder.

- F. S. Nobre


Palhoça Você em Dia - Mobile
Covidômetro - Florianópolis - Julho
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro