Close Menu

Busque por Palavra Chave

Editorial | Governar é só com capacidade

Por: LÊ NOTÍCIAS
10/10/2018 09:56

A escolha do eleitor no primeiro turno das eleições em SC, foi e deve ser respeitada. Mas a ida do candidato do PSL para o 2º turno mostra que, embora tenham dado a ele a oportunidade, não tem capacidade nem mesmo para colocar as pessoas certas nos lugares mais importantes.

Ele, o bombeiro, não se vê e nem imaginava que sua chegada ao turno, poderia dar a ele esta oportunidade de vencer. Pode vencer, mas não tem competência para dirigir SC. Vai falar que sim, que sabe como fazer etc, etc, mas não tem tamanho para responder pelos anseios dos catarinenses. Ele até foi escolhido para isso, mas não tem altura que os compromissos estaduais exigem.

A decisão de Jair Bolsonaro em não se envolver no pleito, abandonando seu candidato, mostra bem isso. O presidenciável, que teria a oportunidade de mostrar que tem seu candidato no Estado, calou-se.

Mais claro que isso, isto é, sinalizando que sabe bem como fazer e porque quer distância, respeitou Gelson Merisio e sua capacidade de anunciar, ainda no 1º turno, que seu candidato a presidente era o líder do PSL. O recado, claro, apresenta as dúvidas da capacidade de governabilidade que marca o bombeiro. Ele foi para o segundo turno, mas não acredita. Ele foi para a etapa final e não tem capacidade de falar nada porque, de governo e administração, não sabe como fazer.

Neste caso, SC não pode ser entregue a um aventureiro que não conhece absolutamente nada de governo e administração pública. Vai ser um erro que ele mesmo, ainda tentando entender, não sabe como corrigir.

O bombeiro aposentado tem seus méritos, foi levado a esta missão, mas não tem altura para vencer os desafios que SC precisa. Por isso, mais do que nunca, é o momento de pensar com a seriedade que marca o juízo das pessoas. Se ele for eleito, vai afundar o Estado em incompetência.

Ou se é racional e se forme um novo caminho, ou todos vão para o desastre. Comandante Moisés é um pesadelo para ele mesmo. E vai levar seu terror para o Estado. Merece todo o respeito, mas não tem capacidade para liderar um Estado cheio de responsabilidades. Não está preparado e não tem pessoal para colocar. Vai ter que pedir para o MDB ajudar a governar. O mesmo partido que ele derrotou e agora chama para governar.


Covidômetro - Florianópolis - Maio
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro