Close Menu

Busque por Palavra Chave

Prefeito Lírio Dagort vai ao Dnit cobrar acesso para área industrial em Xaxim

Por: LÊ NOTÍCIAS
15/10/2018 15:11 - Atualizado em 15/10/2018 15:13
Marcos Schettini/LÊ Prefeito Lírio Dagort se reuniu com o superintendente do Dnit/SC, Ronaldo Barbosa, em Florianópolis Prefeito Lírio Dagort se reuniu com o superintendente do Dnit/SC, Ronaldo Barbosa, em Florianópolis

Por Marcos Schettini

Cansado de esperar uma solução para o perigo que ameaça a entrada de trabalhadores, caminhões e moradores que saem da BR-282 para o Distrito Industrial Sérgio Davi, de Xaxim, que fica às margens da rodovia, o prefeito foi pessoalmente conversar com Ronaldo Carioni Barbosa, superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes de Santa Catarina (Dnit/SC), para entender a demora e o descaso com om pleito que já tem anos de necessidade, mas nunca chega a uma definição.

Na reunião com o superintendente, o prefeito Lírio Dagort apresentou o problema e suas consequências para dar desenvolvimento ao município e, principalmente, evitar o perigo iminente que está presente, todos os dias, para aqueles que entram e saem daquele polo.

“Nós temos um problema enorme, com perigo de morrer moradores, atrapalhar nosso desenvolvimento local e colocar em xeque a vida de trabalhadores que precisam estar todos os dias ali. Os funcionários vão de carro, de bicicleta e, em dias de chuva, o perigo triplica”, lembrou Dagort.

O prefeito lembrou ao superintendente que o projeto foi apresentado bem antes das eleições municipais e que o antigo superintendente, Vissilar Pretto, que perdeu o cargo após o presidente estadual do PR, Jorginho Mello, atual deputado federal e agora senador eleito, votar contra o arquivamento da denúncia por corrupção passiva do presidente Michel Temer, em agosto de 2017.

Naquela época, Vissilar havia afirmado que o recapeamento e sinalização que estava sento feito na BR-282, daria para encaminhar a criação de uma rótula ou a colocação de redutor de velocidade, em ambos os lados da pista, para que desse tempo dos motoristas, que entrassem e saíssem, fizessem a manobra com cuidado e tranquilidade.

Carioni lembrou que vai dar atenção especial porque, em sua afirmação, a lei para a construção de modificações precisa estar em sintonia com a realidade do trecho. “Nós vamos dar a atenção merecida, mas vamos estudar com nosso supervisor local qual a melhor aplicação para zerar o problema”, explicou. O croqui com o estudo antecipado de construção já se encontra em poder do Dnit.

Conforme Ronaldo Barbosa, o Dnit vai tomar ciência da situação e deliberar em um momento rápido e oportuno para desburocratizar e dar para início da obra de solução. “Não podemos transgredir a lei e arrumar um problema futuro. Vamos dar uma atenção rápida e dar a resposta para o município”, lembrou o superintendente.

Lírio e Ronaldo entraram em concordância de que, mais que rápido para dar um fim ao problema, é salvar vidas em risco que permanentemente estão em perigo naquela região industrial.


Outras Notícias
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro