Close Menu

Busque por Palavra Chave

Professores chapecoenses trocam experiências através de projetos

Por: LÊ NOTÍCIAS
30/10/2018 16:16
Prefeitura de Chapecó A experiência do projeto “Diversidade e Inclusão #sempreconceito” foi apresentado no “VIII Ideias Além do Giz”, em Chapecó A experiência do projeto “Diversidade e Inclusão #sempreconceito” foi apresentado no “VIII Ideias Além do Giz”, em Chapecó

Levar para sala de aula atividades que os estudantes possam se envolver, para que a aula seja devidamente aproveitada. Assim é o projeto “Diversidade e Inclusão #sempreconceito”, que visa aproximar professores e alunos e os alunos entre si, possibilitando a discussão de diferentes temas sem que fique só o professor falando. De acordo com a professora Jéssica Pauletti, da Escola Parque Cidadã Cyro Sosnosky, professora de Ciências e de Educação e Diversidade do 6º ao 9º ano, nas aulas, os alunos tem voz, e eles apresentam um grande potencial para colaborar.

As professoras Jéssica Pauletti e Maria Sandra Anchau (segunda professora na turma) juntamente com alguns estudantes, apresentaram, na terça-feira (30), a experiência do projeto “Diversidade e Inclusão #sempreconceito” no “VIII Ideias Além do Giz”, um momento de formação dos professores e estudantes da Rede Municipal de Ensino. O “Ideias além do giz” surge do fato de que durante o ano os professores participam das formações continuadas edesenvolvem os projetos nas escolas a partir da concepção histórico-crítica. No “Ideias Além do Giz’ é onde se dá culminância desses trabalhos, através dos relatos realizados por professores e estudantes acontece a socialização, contemplando todas as áreas do conhecimento e também apresentações da Educação Especial que perpassa por todos os níveis e modalidades.

Para Jéssica, O Ideias Além do Giz contribui com a aprendizagem e isso é gratificante. “Espero que os colegas tenham aprendido algo com nosso projeto assim como estou aprendendo com os outros”, comentou. Outro relato foi das coordenadoras Diana Chiodelli e Fernanda Arcari que acompanhadas das alunas Amanda Fabris e Chayanne Jerônimo relataram duas experiências realizadas na Escola Básica Municipal André Antônio Marafon, a partir do Projeto Escola da Inteligência que trabalha na perspectiva do desenvolvimento socioemocional.

Segundo Diana participar do Ideias Além do Giz é um ato de promover o diálogo, a amostragem e o compartilhamento da realidade de cada uma das escolas que está ali se apresentando e quando vem um aluno e fala do seu sentimento em relação ao que foi trabalhado nos emociona e nos motiva cada vez mais. Para encerrar a manhã de atividades, Mikeias de Paula, de 16 anos, estudante do 9º ano da EPC Cyro Sosnosky homenageou todos os professores com uma canção de sua autoria.

De acordo com a secretária de Educação de Chapecó, Sandra Maria Galera, a socialização é uma pequena amostra do que acontece nas escolas durante o ano letivo. “Constantemente os professores são estimulados a desafiarem os estudantes e se desafiarem ao novo, gerando assim expectativa e estimulando o interesse de todos, desenvolvendo a criatividade, o espírito científico e o olhar crítico sobre algo que está pesquisando, conhecendo ou apenas evidenciando”, finalizou.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro