Close Menu

Busque por Palavra Chave

Chapecoense esquece o torcedor; O sonho virando pesadelo; A vitória de Blumenau; Ninfo König, empresário contemporâneo

Por: Marcos Schettini
21/11/2018 18:05 - Atualizado em 21/11/2018 18:07

A juventude de Ninfo König

Com uma vida garantida pela força do seu trabalho, visão empreendedora e capacidade de raciocínio, luzes que adquiriu e poderia forçar sua distância de suas responsabilidades sociais, isto é, presença plena nos debates em favor do cidadão e da sociedade, não foi suficiente para convencer o vereador e empresário para fugir de tudo e seguir seus interesses pessoais. Ao contrário, filho de sapateiro, nome respeitado em Joinville, SC e no meio empresarial, foi o desafio que trouxe, sua vida inteira, Ninfo König para o debate do dia a dia. De aniversário no último dia 15, agora mais leve pela passagem das eleições, com o espírito livre que marca sua personalidade, foi descansar uns dias. Mas é inquieto demais para ficar longe do batente que atrai seus compromissos com a vida, o emprego e a renda. Vindo ao mundo no feriado da República, não nasceu, foi proclamado a estar no centro das discussões em favor do desenvolvimento. Um homem bom e necessário para o mundo.


Vilões

Os torcedores da Chapecoense, indignados com os resultados negativos, querem que o time fique na série A. Não estão preocupados com os grupos de interesses que brigam fora das quatro linhas para ver qual deles assume as cifras.

Interesses

O que está em jogo fora do campo são os valores milionários que entram na veia do clube em 2019. Os conselheiros construíram um açougue e, entre si, passam o bisturi vendo o que resta de esperança jorrar. Parabéns.

Exumação

Mais que desenterrar heróis, são os ventiladores espalhando o que há de pior para incentivar o ódio entre os grupos em disputa. O consenso, mais que um caminho, é inaceitável porque o que vale é quem, depois, ganha os benefícios.

https://www.facebook.com/CANTINAGALPAO

Ótimo

O melhor caminho para os conselheiros é o entendimento. Ganhando altura desde o ano passado, a disputa se arrasta influenciando jogadores na cobrança, sem trégua, das redes sociais. Não é somente ficar na Série A, é sobreviver aos ataques.

Final

Se o consenso não for garantido, vai influenciar fortemente nas três últimas disputas que o clube tem para, até pela matemática de um e outro que concorre junto, se manter viva. Se não é hora de unir, quem vence é a desgraça.

Aposta

As redes sociais são permanentemente bombardeadas de tudo que sai de dentro do clube. Devendo ser o contrário, o que se vê é a bolsa oscilando pela desestabilização total, do psicológico às contas, para que o torcedor fulmine junto.

Especial

A Chapecoense é um time diferente dos grandes clubes que digladiam, inclusive com mortes observadas. Já tem suas próprias dores e ninguém quer mais tristezas. Se agora não é o momento do consenso, com o abraço de todos, foi.

Disparate

Litoral de SC vendendo os combustíveis com o preço bem abaixo, quase 50 centavos de diferença das demais regiões e, no Oeste, o abuso é alto. Não somente cartel, mas a falta de sensibilidade do Ministério Público, o aliado da cidadania.

Manifestação

O Procon de Chapecó marcou presença para coibir os abusos e, um vídeo do coordenador Paulo Balancelli alcançou mais de 1 milhão de visualizações. MP precisa agir e mostrar a força. Colocar sua palavra e dar eco às exigências do consumidor.

https://www.facebook.com/galpaogrillchapeco/

Voz

A reclamação sobre os preços abusivos dos donos de postos de combustíveis, com exceções, merece uma manifestação dos Poderes constituídos. Se o consumidor não tem quem aja por ele pela força da Lei, então para que servem? Mantendo-se silenciosos, assinam junto.

Atitude

Como que procurando seu Santo Graal, respirando um rumo para uma vida em que possa perceber-se melhor, sabe que seria bem mais fácil se contasse com quem vive de seus impostos. Se as autoridades viram as costas, o inferno melhora.

Vitória

Mário Hildebrandt dá início à licitação para a continuidade da ponte do corredor Norte-Sul sobre o rio Itajaí-açú por decisão da justiça. Parada há meses, foi determinada pela justiça. O prefeito de Blumenau assumiu.



Palhoça Você em Dia - Mobile
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro