Close Menu

Busque por Palavra Chave

MAIOR OBRA

Casan esclarece Conselho Empresarial sobre nova adutora

Sistema abastecerá Chapecó, Cordilheira Alta, Xaxim e Xanxerê
Por: LÊ NOTÍCIAS
20/12/2016 16:16
Obra prevê atender a uma população de 500 mil pessoas, num período de 35 anos (Foto: Extra Comunica/Divulgação) Obra prevê atender a uma população de 500 mil pessoas, num período de 35 anos (Foto: Extra Comunica/Divulgação)

A direção da Casan, após solicitação encaminhada pelo Conselho Empresarial de Chapecó (CEC), esclareceu quanto à execução do Sistema Integrado de Abastecimento do Rio Chapecozinho, que foi apresentado para autoridades e lideranças empresariais em novembro do ano passado, em reunião no auditório do Sindicato do Comércio da Região de Chapecó (Sicom). O CEC pediu à presidência da Casan esclarecimentos sobre andamento do chamado Projeto Macroadutora Rio Chapecozinho, depois de cancelamento do edital de licitação que foi lançado em 2014.

Na resposta da Casan, assinada pelo diretor-presidente, Valter José Gallina, e pelo diretor de Expansão, Adelor Francisco Vieira, o esclarecimento é quanto à decisão de abertura de novo processo licitatório para a adutora que conduzirá água de Bom Jesus até Chapecó. Esse novo procedimento decorre do fato da licitação anterior ter levado a questionamentos pelo Tribunal de Contas da União (TCU), já que está previsto o uso de recursos financeiros federais.

Os dirigentes da Casan oficializaram ao Conselho Empresarial que novo processo de edital foi definido para a maior obra da história da empresa. Em vez de licitação única, foi definido pregão eletrônico para contemplar a aquisição das tubulações e a contratação das obras em separado, na forma tradicional de licitação.

A ADUTORA

Em virtude do questionamento do consórcio Conenge, participante do primeiro edital, mediante recurso administrativo e depois judicial, para o novo procedimento a Casan promoveu audiência pública em oito de novembro. Este teve a finalidade de propiciar informações quanto a todos os aspectos da nova licitação, para conhecimento e esclarecimento de possíveis dúvidas por parte dos interessados. Já no último dia 15, foi realizado o pregão eletrônico, para definir a compra de tubulação para a adutora, nas dimensões 90 cm e um metro de diâmetro, pelo valor de R$ 93 milhões. Quando estiver definida a empresa vencedora para o fornecimento do material, a obra civil será licitada pela modalidade de concorrência pública.

Com 57 quilômetros e capacidade para 1.250 litros por segundo, a macroadutora tem investimento total previsto de R$ 222 milhões, com recursos da própria Casan e do Ministério da Integração Nacional. Com captação no rio Chapecozinho, no município de Bom Jesus, permitirá ampliar o abastecimento de água nas cidades de Xanxerê, Xaxim, Cordilheira Alta e Chapecó.


Outras Notícias
Anúncio Radial 2
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Campanha Santur
Rech Mobile
Alesc Facebook - Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro