Close Menu

Busque por Palavra Chave

Igreja para os explorados e em favor destes

Por: LÊ NOTÍCIAS
21/12/2016 09:11

Sabe-se que a Teologia da Libertação é uma tentativa de interpretar a Escritura através do sofrimento dos pobres, dos povos, a doutrina humanista começada na América do Sul, nos anos de 1950, quando o marxismo estava fazendo grandes ganhos entre os pobres por causa de sua ênfase na redistribuição da riqueza, permitindo que os camponeses pobres participassem da riqueza da elite colonial e, assim, melhorasse a sua situação econômica na vida e este é o caminho justo.

A Teologia da Libertação é a ideia luminosa de estudar a Bíblia e lutar por justiça social nas comunidades cristãs injustiçadas pela má distribuição de oportunidades e renda, que sufoca os povos e as famílias, tirando delas o sonho e a felicidade que o sistema asfixia.

O modelo governamental antes e agora, sufoca a redistribuição da riqueza na América Latina e em todos os países do terceiro mundo, tirando de quem não tem para dar aqueles que têm muito. Isso ode ser comprovado porque, em qualquer lugar que se vá nos países latinos, há fome e tristeza existencial.

Como resultado desta diferença entre ricos e pobres, a Teologia da Libertação, nasce e se faz presente, mesmo que a Igreja esteja neste momento roendo sua própria Fé nos desprovidos e fugindo da responsabilidade social, para apoiar a libertação de seus povos, nem que para isso, em nome da Fé e da Justiça divina, as revoluções violentas e o confronto de classes se faça presente. Natal onde se percebe a miséria entre os povos, é converter o Evangelho em um manifesto de indiferença, frieza e distanciamento dos princípios de Jesus Cristo, Homem de Verdade e voltado à força do Espírito.

A Teologia da Libertação é tudo, a luta, o desejo de buscar a verdade e dela tirar a força para enfrentar a miséria que assola os povos.

Natal é tempo de amor, mas amor com justiça e valores de existência a todas as pessoas. Se um ser humano vive em miséria, toda a humanidade tem responsabilidade sobre isso. Ou Deus enviou seu Filho para a redenção de todos os povos e nele a Verdade, único Caminho, ou tudo é uma mentira.

Deus é Verdade, Vida é Verdade, Amor é Verdade. Fora isso, tudo é mentira e, onde a mentira existe, está toda a forma de exploração e enganos. Não é esta a Igreja que o Ressuscitado ofereceu ao Mundo. A Paz é fruto da Justiça. Sem ela, haverá guerra e ranger de dentes sempre. Ou paz ou guerra.


Anúncio Radial 2
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Campanha Santur
Rech Mobile
Alesc Facebook - Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro