Close Menu

Busque por Palavra Chave

ATÉ QUANDO?

Vereador Agenor Maier levanta debate sobre alagamentos em Xaxim

Por: LÊ NOTÍCIAS
01/03/2019 10:55 - Atualizado em 01/03/2019 11:06
Câmara de Vereadores de Xaxim Maier utilizou a tribuna durante sessão na última terça-feira (26) Maier utilizou a tribuna durante sessão na última terça-feira (26)

No início desta semana, mais uma vez, o município de Xaxim foi atingido por forte chuva que causou alagamento em diversos pontos da cidade. Conforme a Defesa Civil, foram registrados, das 19h40 do domingo (24) até às 19h40 da segunda-feira (25), 97 milímetros de chuva, o segundo maior volume da região, ficando atrás apenas de Xanxerê, que registrou 103mm.

O assunto foi amplamente discutido durante a reunião da Câmara de Vereadores de Xaxim, realizada na terça-feira (26). O vereador Agenor Junior Maier (Progressistas), ao usar o espaço da tribuna, enfatizou que esse problema não é de hoje, mas que começou há muitos anos. Ele atribui essa situação a vários fatores como, por exemplo, a liberação de construções em cima do rio, sem qualquer planejamento e agora, não se pode mais mexer. “Muitos erros do passado estão sendo pagos agora. Há também o crescimento ao redor do município, onde a água dos loteamentos desemboca nos locais mais baixos da cidade, além disso, o lixo nos bueiros e a falta de boca de lobos dificultam o escoamento da água. Porém, tudo isso não pode ser considerado como fator principal, o gargalo é muito maior”, disse.

Ainda na explanação, Maier esclareceu que o principal rio da cidade não consegue mais dar conta da vasão da água e quando se encontram os dois rios, um que vem do bairro Frei Bruno e outro do Alvorada, começa a represar e ocorre o alagamento. “A única forma de solucionar de uma vez por toda esse problema, é fazer uma abertura neste ponto de encontro dos rios e resolver o problema principal, depois vir até o Brasão Supermercados, onde já existe o problema”.

Contudo, o vereador adiantou que esse será um investimento milionário. “Se para consertar 50 metros de tubulação ao lado do Brasão o gasto é de R$ 570 mil, imagina-se para fazer toda a extensão. Por isso, é preciso se unir e buscar recursos a nível estadual e federal”, disse.

O presidente da Câmara de Vereadores, Inácio Bracht, acrescentou que haveria uma tubulação, de um metro e meio a dois metros, que vai do frigorifico até a lagoa de tratamento, que poderia ser usada para escoamento da água da junção dos dois rios e amenizar a situação.

ESTUDO TÉCNICO

Em visita a Defesa Civil, o vereador Maier questionou sobre a existência de um projeto visando a solução deste problema. Segundo o órgão, foi solicitado ao Estado um estudo técnico para projeto de prevenção de inundações e alagamento no município, documento encaminhado a João Batista Cordeiro Júnior. Neste projeto, está anexada toda a problemática que o município enfrenta. Maier convidou para que a Defesa Civil do município vá à Casa Legislativa para explicar sobre o projeto.


Outras Notícias
Palhoça Você em Dia - Mobile
Covidômetro - Florianópolis - Julho
Alesc - Julho
Radial Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro