Close Menu

Busque por Palavra Chave

Editorial | Emerson Dell’Osbel é a cara da corrupção em SC

Por: LÊ NOTÍCIAS
20/03/2019 00:27
Arquivo/LÊ

O Brasil que se deseja em respeito, transparência, cidadania e desenvolvimento, como se tem buscado desde a eleição passada, onde o eleitor mostrou de fato o que quer, como quer e porque quer, está sendo, aos poucos, modificado em favor da sua gente.

Mesmo que ainda tenha muito a crescer para alcançar o respeito e a seriedade em favor das pessoas, alguns passos foram dados para se chegar à Pátria que se sonha. É verdade que nestas eleições o cenário de comando do Brasil saiu de um extremo para ir a outro tão ruim quanto e, pelo visto, pior e patético.

Mas são avanços que estão sendo alcançados e que, com a prisão de um homem que foi prefeito de Entre Rios, uma cidade cheia de problemas sociais, com a miséria exposta com o seu pior IDH, mostra bem o que Emerson Dell’Osbel, um corrupto cheio de enganos e roubalheira, que foi levado recentemente à cadeia, pela segunda vez, conseguiu não somente destruir com a cidade onde seu pai, Jurandi Dell’Osbel tem que levar a marca na testa por ter um filho que mente para a sociedade, rouba a felicidade das pessoas ao fazer todo tipo de corrupção para se dar bem na vida, conseguiu levar também sua mulher, mãe de seus filhos, para as grades. É ele, e somente ele, quem orienta todos para fazer o necessário tipo de esquema para que sua empresa de pesquisa ou de seleção de concurso público, possa beneficiar o interesse dos prefeitos para ganhar dinheiro fácil.

Emerson é um exemplo claro de que o setor público é a vergonha que se conhece porque tem sujeitos com os piores mecanismos para sugar o dinheiro da sociedade com suas patifarias e enganações. Ele não somente foi para a cadeia, mas levou junto todo o nome da sua família, prefeitos, esposa de prefeito, secretários que fizeram o que a política chama de quadrilha para que o esquemão feito para se dar bem à custa do dinheiro público, faça ele se dar bem na vida.

Caso vitorioso nas eleições de Xaxim ao lado de Fábio Cordenonsi e Beto Grasel, essa vergonha poderia ser novamente montada porque, Emerson Dell’Osbel, então presidente do PSB local, tinha tudo para colocar suas práticas na administração.

Por isso, cheio de corrupção em suas ações, olhava para Xaxim como mais um braço de suas patifarias, corrupção e desvio de dinheiro público através dos mecanismos mais escuros que iria fazer nas bênçãos de seus defensores se, de fato, chegassem a vencer a eleição.
Preso por um leque de rolos e vergonhas, vai ficar sendo visto, todos os dias, perambulando pelas ruas da cidade com uma marca escrita na testa mostrando o pior de sua reputação. Se envolveu no que é de pior para benefício próprio. Tem pela frente outras tantas sentenças que vai, provavelmente, condenar a sua já suja vida pública.


Alesc - Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro