Close Menu

Busque por Palavra Chave

Homem acusado de tentativa de feminicídio em Xaxim é preso pela Polícia Civil no Tocantins

Por: LÊ NOTÍCIAS
01/04/2019 23:33
Polícia Civil de Xaxim Homem com as iniciais R. R., de 25 anos, foi preso em Lagoa da Confusão (TO), cerca de 2.400 km de Xaxim Homem com as iniciais R. R., de 25 anos, foi preso em Lagoa da Confusão (TO), cerca de 2.400 km de Xaxim

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, através da Delegacia de Polícia da Fronteira da Comarca de Xaxim, após intensa troca de informações com a Polícia Civil do Estado de Tocantins, da DPCAMI de Palmas (TO) e também Delegacia de Polícia Civil da Cidade de Lagoa da Confusão (TO), deram na data desta segunda-feira (1°), o cumprimento ao mandado judicial de prisão preventiva, expedido pela Justiça de Xaxim, após representação dos delegados da Polícia Civil.

O mandado de prisão foi expedido em 22 de fevereiro e desde então a Polícia Civil de Xaxim estava, ininterruptamente, realizando diligências investigativas para o cumprimento do mandado, que culminaram na localização do paradeiro do foragido R. R., de 25 anos, natural de Mariópolis (PR), no interior da cidade de Lagoa da Confusão (TO), cerca de 2.400km de Xaxim.

Após lograr êxito na obtenção de sua localização, os policiais vivis de Xaxim repassaram todas as coordenadas para que os policias civis de Tocantins pudessem realizar as diligências necessárias para o cumprimento da prisão.

ENTENDA O CASO

No dia 18 de fevereiro, uma mulher de 33 anos, identificada pelas iniciais S. D., foi atingida com um golpe de faca na região do pescoço, no bairro Primavera, em Xaxim.

Imediatamente após tomar conhecimento da ação criminosa, a Polícia Civil de Xaxim iniciou a investigação instaurando um Inquérito Policial, ocasião em que diversas testemunhas afirmaram que o ex-companheiro da vítima teria sido o autor da agressão. Durante o trâmite investigativo, foi possível colher a declaração da vítima após ser liberada do hospital, a qual confirmou a versão apresentada pelas testemunhas e, ainda, apresentou mensagens de texto recebidas do autor, após a prática do crime, que exigia dinheiro e seguia com as ameaças de morte.

Com efeito, destaca-se que a vítima antes de ser atingida com o referido golpe de faca, já possuía em seu favor Medidas Protetivas de Urgência deferidas pelo Poder Judiciário ainda em 29 de janeiro, após manifestação favorável do Ministério Público.

Diante da situação, o investigado foi indiciado pela Polícia Civil de Xaxim pela prática dos crimes de tentativa de feminicídio, descumprimento das medidas protetivas deferidas e extorsão.

As investigações foram coordenadas pelos delegados Gustavo Oliveira Altemar e Fernando Callfass. O investigado será encaminhado para o Estado de Santa Catarina para responder aos crimes praticados.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro