Close Menu

Busque por Palavra Chave

Investimentos Criciúma
Peste Suína Setembro
Beira-Mar Casan

Eleitores de Xaxim podem ter o título cancelado se não fizerem a biometria

Por: LÊ NOTÍCIAS
17/05/2019 09:33
Vitória Schettini/LÊ Prazo para recadastramento biométrico em Xaxim é até o final de 2019 Prazo para recadastramento biométrico em Xaxim é até o final de 2019

Por Vitória Schettini

A fim de ter um padrão e mais segurança na hora da votação, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) instituiu o sistema biométrico para as eleições. Nesse sentido, cada estado brasileiro vem se adequando à nova medida, incluindo Santa Catarina, que já tem em quase todo seu território essa tecnologia. Em Xaxim, o Cartório da 48ª Zona Eleitoral também vem fazendo as adequações, chamando os eleitores para a regularização dos títulos com a biometria, nos quatro municípios que integra, Xaxim, Lajeado Grande, Marema e Entre Rios.

De acordo com Marcos Vieira, chefe de Cartório, a biometria é obrigatória em todos os municípios e o TSE estabeleceu prazos para a regularização. “O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SC) trabalha com a revisão eleitoral, ou seja, o tempo para que os eleitores que ainda não fizeram a biometria, comparecerem ao Cartório para ficar em dia. No caso da 48ª Zona, nós já fizemos a revisão em Marema e Lajeado Grande e os eleitores que não vieram, tiveram o título cancelado”, revela Marcos ao LÊ.

Agora, segundo Marcos, está sendo feita a revisão eleitoral em Xaxim, que se estende até o final de 2019. “A meta é alcançarmos pelo menos 85% dos eleitores xaxinenses. Se isso não acontecer, o tempo vai até maio de 2020. Até agora, atingimos menos de 50% do eleitorado xaxinense e atendemos poucas pessoas por dia. É importante ressaltar que o atendimento é agendado e demora poucos minutos, além de ser gratuito. O Cartório Eleitoral funciona das 12h às 18h”, enfatiza.

Para realizar a biometria, é necessário levar um comprovante de endereço atualizado, um documento oficial com foto ou certidão de nascimento ou casamento e o título de eleitor. Para a transferência de município, exige-se a comprovação de pelo menos três meses de residência no município.

TÍTULOS CANCELADOS

Ele afirma que os eleitores deixam para última hora a tarefa, que é fundamental. “Nós estamos com o número baixo e precisamos que as pessoas compareçam para regularizar os títulos. Para realizar o agendamento, é fácil, apenas acessar o site tre-sc.jus.br e agendar, que o eleitor será atendido com prioridade. Quem não vier, terá o título cancelado e só poderá fazer um outro após a eleição”, finaliza.

O eleitor que não fizer o recadastramento biométrico terá consequências. Entre elas, segundo Marcos, é de não poder retirar documentos públicos, como passaporte, fazer matricula em instituições públicas, participar de cargo público, fazer concurso público, não poder ser candidatar, e no último dos casos, o título cancelado acarreta no cancelamento de CPF.


Outras Notícias
Alesc - Julho
Investimentos Criciúma
Fiesc Setembro
Blumenau pronta para crescer
Rech Mobile
Publicações Legais Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro