Close Menu

Busque por Palavra Chave

“Sabemos do ‘Calcanhar de Aquiles’ que tem esta gestão daqui pra frente”, destaca Valduga

Por: Janquieli Ceruti
17/02/2017 14:20 - Atualizado em 17/02/2017 14:24
Valduga, Nádia e Nunes demonstraram apoio ao Governo Lírio Valduga, Nádia e Nunes demonstraram apoio ao Governo Lírio

Colocar o mandato à disposição da Administração Municipal foi intuito da visita do deputado estadual Cesar Valduga (PCdoB) ao gabinete de Lírio Dagort (PSD). Acompanhado pela presidente e vice-presidente do diretório municipal do partido, Nádia Schaparini Negretto e Valdecir Nunes, Valduga esteve com Lírio e o vice-prefeito Adriano Bortolanza na última semana e demonstrou interesse em apoiar iniciativas dos gestores municipais. “Estamos à disposição deste mandato pautado na mudança, na renovação e em atender toda a coletividade, pensando no homem do campo, mas também no da cidade. Neste sentido, este instrumento que é o nosso mandato de deputado estadual, eleito especialmente pela nossa região do Oeste de Santa Catarina, está disponível, juntamente com nossas lideranças políticas municipais, para que possamos somar com as demandas e prioridades”.

De acordo com Valduga, o acolhimento de Lírio e Adriano demostrou a união de esforços que deverá marcar os quatros anos de gestão. “O PCdoB assumiu responsabilidades neste município enquanto novo projeto de governo e estamos dispostos a fazer a diferença. Queremos ocupar espaço dentro da Administração para que possamos estar mais conectados com o município e seus anseios para que possamos atendê-los dentro de nossas prerrogativas legais. Minha função é de legislar, fiscalizar e cooperar com os atos do Poder Executivo e, além disto, fazer esta ponte com o povo de Xaxim”, destacou.

Recém-eleito, esta foi a primeira visita oficial de Valduga ao município. “Estive em Xaxim, juntamente com as lideranças municipais do PCdoB, do final de dezembro para realizar uma visita comemorativa. Já nesta data trata-se de visita oficial para ouvir as demandas municipais. Sabemos do ‘Calcanhar de Aquiles’ que tem esta gestão daqui pra frente; o calabouço que é a dívida municipal que ultrapassa os R$ 25 milhões. Sem dúvidas, a meta é muito grande em quitá-la, além de fazer o racionamento dos recursos públicos”, expôs.

Em entrevista exclusiva ao LÊ NOTÍCIAS, o deputado estadual detalhou algumas das pautas tratadas com Lírio e Adriano; expôs o trabalho feito no âmbito da Amai; e elucidou a possível saída do PCdoB. Acompanhe.

LÊ NOTÍCIAS: Quais foram as demandas apresentadas pela gestão municipal?

Cesar Valduga: Lírio apresentou a difícil situação da infraestrutura local, a exemplo dos problemas em estradas do interior. A integração do interior com a cidade precisa de bons caminhos. Já é tão pouco que nossos agricultores pedem, o que normalmente é o acesso à propriedade para que a produção flua. A construção de ginásios de esportes, pavimentação asfáltica e a compra de micro-ônibus para transporte de pacientes a outras cidades também estiveram entre as necessidades expostas.

LÊ: Como Lírio demonstra estar diante de tantas dificuldades?

Valduga: Fiquei impressionado com a motivação dos gestores municipais e de nossas lideranças municipais, inclusive buscando novos caminhos para o desenvolvimento econômico. Sempre esclareço que o social é muito importante, mas tem de se fazer o econômico para fazer o social. A Administração já está buscando parceria junto com empresas, também agora com perspectiva da construção de novo distrito industrial. Para atrair novas matrizes econômicas isto é importante. O Lírio está motivado, o que é muito importante para o município.

LÊ: O senhor visitou o Complexo Integrado de Segurança de Xaxim. O que esta representa para o município?

Valduga: Ela contempla 1.800 metros de área construída e abrigará diversos setores da segurança pública. Se trata de um espaço moderno e bem arquitetado. Segurança pública tem de ser prioridade. Hoje é pago aluguel em diversos locais e está decentralizado. Unir serviços num só lugar irá facilitar a vida do cidadão de Xaxim. Obra esta que parou no final de 2015, mas que está sendo retomada e tem previsão de término para o final deste ano. Parabenizo a Administração Municipal e o Governo do Estado que faz este investimento olhando para o bem-estar da comunidade. Mas é preciso lembrar que quando se fala em segurança pública não é somente sobre a ostensividade, mas também é feita com programas sociais.

LÊ: Num geral, como está seu trabalho em favor da região da Amai?

Valduga: Sou presidente da Frente Parlamentar do Oeste de Santa Catarina, que é composta por 12 deputados estaduais. Nossa região está bem contemplada no quesito representatividade. Todas as nossas forças políticas devem se emanar com um só objetivo, que é o de fortalecer a nossa região. Vemos nos dias de hoje a diferença a partir dos investimentos que vem acontecendo em nossa região. Os recursos estão vindo. O que precisamos realmente é de bons gestores. Na gestão pública não cabem mais gestores de mentes cansadas. Além de ter energia física, é preciso que tenham mentes descansadas para fazer uma gestão moderna e acima de tudo séria. Nosso desafio, enquanto Amai, é fazer a diferença e banir a ação de políticos que se envolvem em maracutaias, dinheiro este que falta para a saúde, educação e políticas públicas.

LÊ: Qual a abertura de Raimundo Colombo para sua atuação?

Valduga: Temos sempre sido contemplados pelo Governo do Estado. Mesmo que estejamos atravessando um momento econômico difícil, o Estado e o nosso governador tem se preocupado em zelar por nossa estabilidade, dando manutenção à segurança e à saúde. Nossa economia está retraída, por isto eles têm sido grandes animadores para o desenvolvimento econômico, principalmente por estar viabilizando a construção de 13 Centros de Inovação Tecnológica. As matrizes que temos hoje são importantes e precisam ser favorecidas cada vez mais. A nossa agroindústria, agricultura e a indústria metalmecânica recebem cada vez mais olhares. Vivemos ciclos em nossa economia e está na hora de buscar novos recomeços. O Governo do Estado tem sido parceiro, sim, e nós gostaríamos de continuar esta parceria para fortalecer nossa região.

LÊ: Existe forte boato da saída do senhor do PCdoB. Seria para o PMDB ou para o PDT?

Valduga: Estou muito contente no meu partido. Claro que convites acabam surgindo de forma bem diplomática, mas nunca pensei em mudar de partido. São mais de 20 anos de PCdoB. Construímos uma história forte. O PCdoB é um partido que cresce incessantemente. Temos diversos senadores, temos governador – a exemplo do juiz federal Flavio Dino, do Maranhão, que está fazendo um belo trabalho naquele Estado. Ganhamos algumas capitais no pleito municipal. Não sei quem é que está propagando esta notícia por aí, que de minha parte é desconhecida. Na política nunca tem ponto, sempre tem vírgula, mas nós trabalhamos para sempre construir e nunca manchar a biografia do nosso partido ao zelar pelos princípios basilares que o PCdoB já vem trabalhando há muito tempo. Tive oportunidade de ter sido duas vezes o vereador mais votado de Chapecó, e agora deputado estadual, então é bem pelo contrário, devo muito ao PCdoB e à população de toda a nossa região.


Outras Notícias
Anúncio Radial 2
Campanha Infraestrutura - Mobile
Campanha Agricultura - Mobile
Campanha Segurança Pública - Mobile
Campanha Santur
Rech Mobile

Fundado em 06 de Maio de 2010

EDITOR-CHEFE
Marcos Schettini

Redação Chapecó

Rua São João, 72-D, Centro

Redação Xaxim

AV. Plínio Arlindo de Nês, 1105, Sala, 202, Centro